Revista Teias

Teias tem como escopo a publicação de trabalhos científicos/acadêmicos originais, o incentivo à pesquisa e ao debate da área da Educação, centrados nas suas relações com a sociedade. Os trabalhos encaminhados para publicação devem ser inéditos, em meios eletrônicos, não sendo permitida a sua apresentação simultânea para avaliação em outro periódico. Teias publica artigos inéditos de autores brasileiros ou estrangeiros. Sendo organizada por números temáticos, aceita, portanto, apenas trabalhos que estejam dentro do campo de pertinência do tema proposto.

e-ISSN: 1982-0305 | ISSN: 1518-5370 | Ano de criação: 2001 | Área do conhecimento: Educação | Qualis: B1 (Educação) | DOI: 10.12957/teias


EZB – Elektronische Zeitschriftenbibliotek CLASE DRJI Revista SOLETRAS no Latindex além de todas as bibliotecas virtuais que utilizam o sistemaOAI para consultas.

Notícias

 

Submissões abertas para V. 19, N. 53, 2018

 

V. 19, N. 53. (2018) - IMAGENS E SONS PARA ALÉM DAS ESCOLAS (Prazo para submissões até 10 de maio de 2018)

Organizadoras: Profa. Dra. Nilda Alves e Profa. Dra. Mailsa Passos

Nosso objetivo com este dossiê é trazer para a discussão outros ‘espaçostempos’ educativos que vêm sendo incorporados, ainda lentamente, aos estudos em Educação: repertórios culturais das populações afroameríndias, tais como terreiros e outros ‘espaçostempos’ religiosos;  movimentos sociais que tem como projeto a emancipação de populações historicamente subalternizadas; criações artísticas que dialogam, produzindo ‘conhecimentossignificações’ nos múltiplos ‘espaçostempos’ educativos.

Nessas redes educativas que formamos em nossos tantos cotidianos, as relações que experimentamos nelas, com tantos seres humanos semelhantes  e diferentes de nós, nos levam a criar múltiplas imagens e sons que permitem recriá-las em suas dimensões éticas e estéticas permanentemente. Tanto no que se refere às imagens – fixas e em movimento - quanto ao que se refere aos sons – da natureza e compostos com instrumentos por criadores que ‘usamos’ (Certeau) – vamos, nas pesquisas da Educação, organizando-as e produzindo-as, conseguindo compreender as tantas realizações humanas com estes artefatos.


 
Publicado: 2016-11-03
 
Outras notícias...

v. 19, n. 52 (2018): ESTUDOS DA INFÂNCIA – DIÁLOGOS CONTEMPORÂNEOS

Sumário

Editorial

Inês Barbosa de Oliveira, Rafael Marques Gonçalves
PDF
3-3

Apresentação

Rita Ribes Pereira, Lisandra Ogg Gomes, Beatriz Fabiana Olarieta, Conceição Firmina Seixas Silva
PDF
4-7

Em Pauta

marcia aparecida gobbi
PDF
8-27
Léa Tiriba, Christiana Cabicieri Profice
PDF
28-47
Circe Mara Marques, Leni Vieira Dornelles
PDF
48-59
Fabiana de Oliveira
PDF
60-76
Carmeci dos Reis Viana, Laura Maria Silva Araújo Alves
PDF
77-90
Tatiana do Socorro Corrêa Pacheco
PDF
91-106
Talula Montiel Trindade, Sandra Regina Simonis Richter
PDF
107-120
Jean Carlos Gonçalves, Rafael Koehler, Michelle Bocchi Gonçalves
PDF
121-136
Gustavo Tanus Martins
PDF
137-149

Elos

CLAUDIA YARZA
150-157
Malvina Argumedo
158-168

Entrevista

Conceição Firmina Seixas Silva, Beatriz Fabiana Olarieta, Lisandra Ogg Gomes
PDF
169-181

Resenhas

Mariangela Momo
PDF
182-186

Artigos

João Paulo Baliscei, Fernando Herraiz García, Geiva Carolina Calsa
187-205
Leandra Fernandes do Nascimento, Maria Marina Dias Cavalcante
PDF
206-224
MARINA GRAZIELA FELDMANN, Maria de Nazaré Corrêa Silva
PDF
225-240
Yvonélio Nery Ferreira, Marília Simari Crozara
PDF
274-287
Viviane Primo Ribeiro, Clarissa Bastos Craveiro, Maicon Jefferson da Costa Azevedo
PDF
288-303
Adrianne Ogeda Guedes
PDF
304-315
Leonardo Rangel dos Reis
PDF
316-331