CONTRIBUIÇÕES DA AVALIAÇÃO MEDIADA PARA A ESCOLARIZACÃO DE ALUNOS COM DEFICIÊNCIA INTELECTUAL

Mariana Corrêa Pitanga de Oliveira, Márcia Denise Pletsch, Anna Augusta Sampaio de Oliveira

Resumo


Este artigo discute, à luz da perspectiva histórico-cultural, as contribuições da avaliação mediada no processo de escolarização de alunos com deficiência intelectual. Para isso, optamos por uma pesquisa qualitativa, do tipo estudo de caso com um aluno do 3º ano do Ensino Fundamental de uma escola situada no município do Rio de Janeiro (RJ). Como procedimentos de coleta de dados, realizamos a observação participante com registros em diário de campo, entrevista semiestruturada com a professora e aplicamos atividades de avaliação da aprendizagem. Os resultados mostraram, entre outros aspectos, que a avaliação mediada por meio de sua intrínseca mediação pedagógica foi positiva e atuou na zona de desenvolvimento proximal do aluno, contribuindo, assim, para a apropriação de conceitos escolares.

DOI: https://doi.org/10.12957/teias.2016.25499


Palavras-chave


Deficiência intelectual; Avaliação mediada; Processos psicológicos superiores.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/teias.2016.25499

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1518-5370 [impresso] • 1982-0305 [eletrônico]
Teias, uma publicação eletrônica do Programa de Pós-Graduação em Educação – ProPEd/UERJ
Qualis/Capes - A2 (2017/2018) 
DOI: 10.12957/teias

 

Licença Creative Commons

Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional