Currículo e culturas: a Educação Antirracista como direito humano

Autores

DOI:

https://doi.org/10.12957/teias.2021.61610

Palavras-chave:

Currículo, Interculturalidade, Educação Antirracista, Diferenças.

Resumo

Nosso objetivo, no presente texto, é apresentar algumas considerações acerca da implementação de uma Educação Antirracista, entendida como um direito humano, a partir de um currículo que reconheça e valorize as diversas culturas que permeiam o contexto escolar e promova um diálogo intercultural, dando vozes, sobretudo, às culturas da população negra, historicamente negadas e marginalizadas pelo processo de colonização. Trata-se de uma pesquisa de cunho bibliográfico, com aporte teórico em Freire (1987), Cavalleiro (2001, 2005), Candau (2013, 2016), Almeida (2020), Gomes (2010, 2013), dentre outros. A Educação Antirracista, mediada por um currículo pautado na interculturalidade, problematiza as causas do racismo, busca a sua superação através de práticas de diálogo e intercâmbio cultural, visando a promoção da equidade social, o empoderamento das culturas da população negra e a valorização da dignidade humana.

Biografia do Autor

Márcia Maria Rodrigues Uchôa, PUC-SP

Doutora em Educação: Currículo pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - PUC-SP, mestre em Ciências da Linguagem pela Universidade Federal de Rondônia - UNIR, especialista em Psicopedagogia e Gestão Escolar pelo ICE e licenciada em Pedagogia pela UNIR.  Atualmente atua como editora gerente na revista e-Curriculum da PUC-SP e realiza pesquisas acerca dos temas: Currículo, Interculturalidade e Fronteiras.

Carlos Alberto Paraguassú Chaves, Instituto Universitário do Rio de Janeiro - IURJ

Professor Titular do Instituto Universitário do Rio de Janeiro - IURJ. Diretor Acadêmico da Faculdade Instituto Rio de Janeiro - FIURJ. Professor Visitante Sênior da UFMA. Professor Titular Aposentado da Universidade Federal de Rondônia - UNIR. Doutor em Ciências da Saúde (Geografia Médica) - Universidad de La Habana - CU, Diplomado pelo Instituto Superior de Ciências Médicas da U. Habana - CU, com revalidação nacional pela Universidade de Brasília - UnB. Doutor em Ciência (U. Habana). Pós-Doutorado em Ciências da Saúde - Instituto de Neurociências e Comportamento - UnB/Universita' Degli Studi Di L'Aquila - IT. 

Carlos Eugênio Pereira, Instituto Universitário do Rio de Janeiro - IURJ

Possui graduação em Direito pela Universidade Gama Filho(1996) e especialização em Educação pelo Centro Universitário da Cidade(2012).

Downloads

Publicado

2021-12-15

Como Citar

Uchôa, M. M. R., Paraguassú Chaves, C. A., & Pereira, C. E. (2021). Currículo e culturas: a Educação Antirracista como direito humano. Revista Teias, 22, 61–72. https://doi.org/10.12957/teias.2021.61610

Edição

Seção

Os currículos na compreensão da educação como direito humano: dignidade e cidadania na reflexãoação curricular