Avaliação da acessibilidade aos serviços de atenção primária à saúde na perspectiva dos profissionais [Evaluation of accessibility to Primary Health Care services in the view perspective of health personnel] [Evaluación de la accesibilidad a los servicios de Atención Primaria de Salud desde la perspectiva de los profissionales]

Ana Inês Sousa, Ludmilla Barbosa Bonfim dos Santos, Maria Helena do Nascimento Souza, Tatiana Monteiro da Paixão, Sheila Nascimento Pereira de Farias

Resumo


Objetivo: avaliar, sob a ótica do profissional, a acessibilidade à atenção primária à saúde pela população coberta pela Estratégia Saúde da Família no município do Rio Janeiro, Brasil. Método: estudo transversal realizado com 349 profissionais de equipes de saúde da família. Para a coleta de dados, utilizou-se o questionário Primary Care Assessment Tool PCATool. Resultados: o indicador de acessibilidade não foi bem avaliado. O período de funcionamento da unidade, a não disponibilidade de profissional para dar orientações por telefone ou para prestar assistência quando o serviço está fechado e o tempo de espera para o usuário ser atendido, foram relatados como insuficientes. Conclusão: tais resultados mostram as fragilidades na rede de atenção primária à saúde no que tange a garantia do acesso da população aos serviços e a possibilidade dos profissionais da Estratégia Saúde da Família prestarem um cuidado integral e resolutivo.

ABSTRACT

Objective: to assess the accessibility of Primary Health Care to the population covered by the Family Health Strategy in the city of Rio de Janeiro, Brazil, in the view of the health personnel involved. Method: this cross-sectional study was conducted with 349 family health team members. Data was collected using the Primary Care Assessment Tool (PCATool) questionnaire. Results: performance, as evaluated by the accessibility indicator, was not good. Unit uptime, staff availability to provide telephone guidance or assistance when the service was closed, and user waiting times were all reported to be unsatisfactory. Conclusion: these results show where the primary health care system is weak in guaranteeing the public’s access to services and enabling Family Health Strategy personnel to provide effective, comprehensive care.

RESUMEN

Objetivo: evaluar la accesibilidad de la Atención Primaria de Salud a la población cubierta por la Estrategia de Salud de la Familia en la ciudad de Río de Janeiro, Brasil, a la vista del personal de salud involucrado. Método: este estudio transversal se realizó con 349 integrantes del equipo de salud familiar. Los datos se recopilaron mediante el cuestionario de la herramienta de evaluación de atención primaria (PCATool). Resultados: el desempeño, evaluado por el indicador de accesibilidad, no fue bueno. Se informó que el tiempo de actividad de la unidad, la disponibilidad del personal para brindar orientación o asistencia telefónica cuando el servicio estaba cerrado y los tiempos de espera de los usuarios no eran satisfactorios. Conclusión: estos resultados muestran dónde el sistema de atención primaria de salud es débil para garantizar el acceso del público a los servicios y permitir que el personal de la Estrategia de Salud de la Familia brinde una atención integral y eficaz.


Palavras-chave


Atenção Primária à Saúde; Estratégia Saúde da Família; Acesso aos Serviços de Saúde; Enfermagem.

Texto completo:

PDF(POR) PDF(ENG) (English)


DOI: https://doi.org/10.12957/reuerj.2020.47069