Construindo uma universidade internacionalizada: um estudo sobre a permanência estudantil na Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (UNILAB)

Luciana dos Santos Jorge, Carla Craice da Silva, Luciana Schleder Almeida

Resumo


A Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab) foi criada em 2010 com a proposta de integrar Brasil e África. Por essa razão, possui cerca de 25% do corpo discente vindos de Países de Língua Oficial Portuguesa (Palop), fundamentalmente do continente africano, além de ser uma universidade com presença maciça da população negra dos interiores da Bahia e do Ceará, onde se localizam os campi. Este artigo tem como objetivo contribuir para o debate sobre a permanência dos estudantes da Unilab levando em conta as especificidades dos pilares do projeto. O campo da  pesquisa  foi realizado entre os meses de janeiro e abril de 2021, durante o período de pandemia. Como procedimento metodológico, em um primeiro momento, houve a aplicação de um questionário com estudantes dos três primeiros semestres do curso do Bacharelado Interdisciplinar em Humanidades no campus da Bahia. Em um segundo momento, foram distribuídos sete “diários de afiliação” para estudantes selecionados a partir das respostas do primeiro momento.  Através da pesquisa, observamos que estudantes ingressantes na Unilab estão em situação de vulnerabilidade socioeconômica, mesmo aqueles atendidos pelo Programa de Assistência ao Estudante (PAES). A preocupação com a permanência material se sobrepõe em diversos momentos à permanência simbólica. A vertente simbólica da permanência estudantil não foi explicitada de forma direta nos diários por esses estudantes, mas se faz presente nas nuances do cotidiano. Garantir a permanência dessa juventude é algo desafiador especialmente pela especificidade do projeto UNILAB, o que exige um olhar sobre as trajetórias desses estudantes.


Palavras-chave


juventude negra; permanência estudantil; Unilab; multiculturalidade e interculturalidade; interiorização e internacionalização do ensino superior

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/teias.2022.65948

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1518-5370 [impresso] • 1982-0305 [eletrônico]
Teias, uma publicação eletrônica do Programa de Pós-Graduação em Educação – ProPEd/UERJ
Qualis/Capes - A2 (2017/2018) 
DOI: 10.12957/teias

 

Licença Creative Commons

Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional