POLÍTICAS DE INCLUSÃO ESCOLAR NO BRASIL E EM PORTUGAL: DESAFIOS PARA A JUSTIÇA CURRICULAR

Cléia Demétrio Pereira, Geovana Mendonça Lunardi-Mendes, José Augusto de Brito Pacheco

Resumo


As políticas de inclusão escolar têm sido disseminadas mundialmente pela internacionalização das políticas educacionais. Este texto analisa documentos políticos de inclusão escolar dos contextos brasileiro e português, que regulamentam a organização da escolarização de estudantes com deficiência da educação básica como forma de garantir justiça curricular. Utilizou-se documentos oficiais do Brasil e Portugal, no período delimitado entre 2008 e 2016. Das análises realizadas, conclui-se que os sistemas educativos brasileiro e português seguem orientações recomendadas pelas organizações internacionais, entretanto, o direito aos conhecimentos escolares realmente válidos não fazem parte das discussões dos textos políticos analisados, consequentemente, não estão ao alcance de todos.


Palavras-chave


Políticas de inclusão escolar; Justiça curricular; Escolarização de alunos com deficiência

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/teias.2018.37597

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1518-5370 [impresso] • 1982-0305 [eletrônico]
Teias, uma publicação eletrônica do Programa de Pós-Graduação em Educação – ProPEd/UERJ
Qualis/Capes - B1 - Educação
DOI: 10.12957/teias

 

Licença Creative Commons

Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional