Rock e Direitos humanos: System of a Down e o genocídio armênio / Rock and Human Rights: System of a Down and the armenian genocide

Amanda Muniz Oliveira, Horácio Wanderlei Rodrigues

Resumo


DOI: 10.1590/2179-8966/2017/27436

Resumo

O artigo objetiva explanar de que forma o rock pode ser visto como um elemento capaz de dar voz a demandas de sujeitos marginalizados. Tendo por foco o genocídio armênio, procurou-se demonstrar como a atuação da banda System of a Downcontribui para que o assunto ganhe visibilidade. Assim, utilizou-se como principal fonte de pesquisa o documentário Screamers, que enfatiza a recepção do público sobre o genocídio armênio. 

Palavras-chave: Direitos Humanos; Rock; Genocídio armênio.

 

Abstract 

The article aims to explain how rock can be seen as an element capable of giving voice to the demands of marginalized subjects. Focusing on the Armenian genocide, we sought to demonstrate how the performance of the band System of a Down contributes to the issue gaining visibility. Thus, the documentary Screamers, which emphasizes the reception of the public about the Armenian genocide, was used as the main source of research.

Keywords: Human rights; Rock; Armenian genocide.


Palavras-chave


Direitos Humanos; Rock; Genocídio armênio / Human rights; Rock; Armenian genocide.

Texto completo:

PDF
';



Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Rua São Francisco Xavier, 524, S-E - Maracanã - Rio de Janeiro (RJ), Brasil - CEP: 20.550-013 - Email: 
direitoepraxis@gmail.com - ISSN: 2179-8966