A CONTRIBUIÇÃO DAS CONVENÇÕES PROCESSUAIS PARA TRANSFORMAÇÃO DA CULTURA DO LITÍGIO E SUAS DIRETRIZES GERAIS DE INTERPRETAÇÃO E CONTROLE

Anderson de Paiva Gabriel, Ludmilla Camacho Duarte Vidal

Resumo


O objetivo deste artigo é realizar uma análise, sob as premissas da moderna ciência processual e à luz da Constituição Federal de 1988 e do Código de Processo Civil/2015, do instituto das convenções processuais como um dos resultados mais evidentes da conquista de um modelo de processo orientado pela cooperação e pela ética, que pode contribuir para o desenvolvimento de novas técnicas e métodos empreendidos na pacificação dos conflitos, levando a transformação da cultura do litígio.

Palavras-chave


Direito. Processo. Código de Processo Civil/2015. Convenções Processuais. Consensualidade.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/redp.2018.32695



Direitos autorais 2018 Anderson de Paiva Gabriel, Ludmilla Camacho Duarte Vidal

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Revista Eletrônica de Direito Processual (REDP). e-ISSN: 1982-7636

 

Campus Maracanã, Pavilhão João Lyra Filho, 7º andar

Bloco F, sala 7123. Rio de Janeiro/RJ. Brasil

Telefones: (21) 2334-0072 ou 2334-0312. E-mail: fhrevistaprocessual@gmail.com