O VISÍVEL E O INVISÍVEL NOS CADERNOS ESCOLARES DE UMA ALUNA DA TERCEIRA IDADE NA EJA

Alboni Marisa Dudeque Pianovski Vieira, Eliane Küster

Resumo


O artigo analisa os cadernos escolares de uma aluna da terceira idade no contexto das práticas e pautas escolares, sociais e culturais, em uma classe de EJA - Educação de Jovens e Adultos, na Rede Municipal de Ensino de Curitiba, no período de 2003 a 2004. Considerando os cadernos escolares como fontes de pesquisa e a EJA como oportunidade de aprendizagem, procurou-se identificar seus diferentes usos e possíveis significados. A pesquisa, de caráter bibliográfico, documental e de campo, apoiou-se nos estudos de Chartier (1990), Oliveira (2008), Grinspun (2008), Viñao-Frago (2008) e Julia (2001). Como resultado, foi possível refletir sobre os cadernos escolares, sua utilização e o que representam no cotidiano da escola, como espaços próprios de expressão da individualidade da aluna.


Palavras-chave


História da Educação; EJA - Educação de Jovens e Adultos; cadernos escolares.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/teias.2018.33667

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1518-5370 [impresso] • 1982-0305 [eletrônico]
Teias, uma publicação eletrônica do Programa de Pós-Graduação em Educação – ProPEd/UERJ
Qualis/Capes - B1 - Educação
DOI: 10.12957/teias

 

Licença Creative Commons

Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional