PANÓPTICO DO OLHAR: “CECI EST” VISIVEL, “CECI EST” CONTROLÁVEL

Autores

DOI:

https://doi.org/10.12957/redoc.2024.72148

Palavras-chave:

Imagem. Representação. Vigilância.

Resumo

A sociedade contemporânea transformou o valor do “ter” para o “aparecer”, principalmente mediadas pelas imagens, fazendo pensar, seguindo a perspectiva de Magritte no quadro “ceci n'est pa une pipe”, a imagem do cachimbo não é o cachimbo, se essas imagens compartilhadas realmente são a nossa representação ou é a forma como queremos ser representados? Contudo, com essa necessidade de estarmos sempre compartilhando, passamos a ser vigiados e controlados fazendo pensarmos em questões como quem observa? Quem é observado? O que é permitido observar e ser exposto? Questionamentos que nos problematiza a sobre a necessidade e o porquê dessa exposição imagética. Através do conceito de Panóptico de Focault (1987), do quadro de René Magritte, dos filmes como Laranja Mecânica, Show de Truman e de episódios da série Black Mirror (White Bear, 2013), o presente texto apresenta e problematizar a exibição de si e o que essa exposição leva a vigilância e controle.    

Biografia do Autor

Gregorio Galvão de Albuquerque, Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio (EPSJV/Fiocruz)

Professor/Pesquisador do Núcleo de Tecnologias Educacionais em Saúde e professor da disciplina de audiovisual do ensino médio da Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio (EPSJV/FIOCRUZ). Doutorando em Políticas Públicas e Formação Humana pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ) com a pesquisa sobre a Educação Audiovisual como experiência na formação humana. Mestrado pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal Fluminense (UFF), tendo como título da dissertação: A construção do conhecimento pela fotografia: uma experiência criativa com alunos de ensino médio. Possuí Especialização em Educação Profissional em Saúde (EPSJV) e graduação em Curso de Arquivologia pela Universidade Federal Fluminense (2008). Em 2016 participou como segundo assistente de câmera do filme ?A ilha das crianças?. Fotografo still, makingof, elenco professor de natação do Filme "O homem da raia do canto"

Referências

REFERENCIAS

BAUDRILLARD, Jean. Simulacros e simulações. Lisboa: Relógio D’Água, 1991

FOUCAULT, M. Isto não é um cachimbo. Trad. Jorge Coli. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1988.

FOUCAULT, M. O panotismo. In.___. Vigir e punir. Trad. Raquel Ramalhete. Petrópolis: Vozes, 1987. p.219-258.

GUNNING, Tom. O retrato do corpo humano: a fotografia, os detetives e os primórdios do cinema. In. SCHWARTZ, Vanessa; CHARNEY, Leo (org). O cinema e a invenção da vida moderna. Trad. Regina Thompson. 2.ed. São Paulo: Cosac Naify, 2004. p.33-66.

JOSEBA ELOLA. O reconhecimento facial abre caminho para o pesadelo de George Orwell. El Pais, Tecnologia, 09 jan 2018. Disponível em <https://brasil.elpais.com/brasil/2018/01/05/tecnologia/1515156123_044505.html?id_externo_rsoc=FB_BR_CM>. Acesso em 09 jan 2018.

SONTAG, Susan. Sobre a fotografia. Trad. Rubens Figueiredo. São Paulo: Companhia das Letras, 2004.

TAYLOR, Chris. Facebook e seu novo algoritmo: a distopia total. Disponível em: <https://outraspalavras.net/destaques/facebook-e-seu-novo-algoritmo-a-distopia-total-2/>. Acesso em: 20 jan 2018.

Filmografia

Black Mirror - Arkangel. Direção: Jodie Foster. Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte. 2017. Série online. (50 minutos)

Black Mirror – Cala a boca e dança. Direção: James Watkins. Séries Inglaterra/Estados Unidos. 2016. Série online. (52 minutos)

Black Mirror - Urso Branco. Direção: Charlie Brooker. Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte. 2013. Série online. (50 minutos)

Laranja Mecânica. Direção: Stanley Kubrick. Estados Unidos da América, Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte. Warner Bros. / Hawk Films Ltd. / Polaris Production. 1971. (136 minutos)

O show de Truman. Direção Peter Weir. Estados Unidos. Paramount Pictures. 1998. (103 minutos)

Downloads

Publicado

2024-04-09

Como Citar

ALBUQUERQUE, Gregorio Galvão de. PANÓPTICO DO OLHAR: “CECI EST” VISIVEL, “CECI EST” CONTROLÁVEL. Revista Docência e Cibercultura, [S. l.], v. 8, n. 2, p. 01–13, 2024. DOI: 10.12957/redoc.2024.72148. Disponível em: https://www.e-publicacoes.uerj.br/re-doc/article/view/72148. Acesso em: 27 maio. 2024.