José de Alencar no Diário do Rio de Janeiro

Marcus Vinicius Nogueira Soares

Resumo


Entre outubro de 1855 e julho de 1858, José de Alencar ocupou o cargo de redator em chefe do jornal Diário do Rio de Janeiro. Durante esse período, foi responsável pela publicação de diversas obras, sobretudo de sua própria autoria, nas páginas do Diário, contemplando vários gêneros discursivos, de crítica literária a romance, passando por libreto de ópera, biografia, entre outros. Considerando as condições materiais de produção e difusão que tornaram possível a experiência pública dessas obras, o presente artigo analisa a importância desse momento inicial da carreira de José de Alencar para a compreensão de sua trajetória intelectual e literária.


Palavras-chave


José de Alencar; Romance brasileiro; Jornalismo oitocentista.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/soletras.2020.51761

Licença Creative Commons

SOLETRAS online - ISSN 2316 8838

Revista do Departamento de Letras

Faculdade de Formação de Professores da UERJ

Rua Dr. Francisco Portela, 1470 - Patronato - São Gonçalo - RJ

Cep: 24435-005 - e-mail: soletrasonline@yahoo.com.br