Conhecendo espacialidades com Carlos Drummond de Andrade

Manoel Martins de Santana Filho

Resumo


Este artigo apresenta uma experiência que revela o potencial e as possibilidades fecundas que nascem do diálogo da Geografia com a literatura. Diálogo que promove leitura,cognição e representação sobre o mundo e sua geograficidade. A partir da produção de Carlos Drummond de Andrade exploram-se algumas dessas veredas que revelam a geografia do texto literário e a literatura inspirando-se em dada geografia. A leitura desses textos exemplificados na experiência relatada apresenta-nos algumas visões da experiência humana sobre ocotidiano, sobre a memória, sobre a vida urbana e rural, sobre a história, a memória e acultura. Por fim, pretende-se que este diálogo geoliterário promova uma educação geográfica que possibilite aos estudantes e ao homem contemporâneo desenvolver sua condição deautoria e expressão.

Palavras-chave


Geografia. Literatura. Educação geográfica. Carlos Drummond de Andrade.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/soletras.2012.5042

Licença Creative Commons

SOLETRAS online - ISSN 2316 8838

Revista do Departamento de Letras

Faculdade de Formação de Professores da UERJ

Rua Dr. Francisco Portela, 1470 - Patronato - São Gonçalo - RJ

Cep: 24435-005 - e-mail: soletrasonline@yahoo.com.br