A MORTE COMO PROTAGONISTA

Edina Reginas P. Panichi

Resumo


A morte é um tema constante na obra de Pedro Nava. Em seus escritosela ocupa lugar especial, mas não apenas como a presença de umarealidade cotidiana na vida de um médico. Ao contrário, a morte se insinuaem todos os espaços de sua construção e é um dos núcleos em tornodo qual se organizam vivíssimas emoções.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/soletras.2007.4716

Licença Creative Commons

SOLETRAS online - ISSN 2316 8838

Revista do Departamento de Letras

Faculdade de Formação de Professores da UERJ

Rua Dr. Francisco Portela, 1470 - Patronato - São Gonçalo - RJ

Cep: 24435-005 - e-mail: soletrasonline@yahoo.com.br