“Eles eram capazes de refletir sobre questões importantes e delicadas”: construindo saberes através de um projeto de iniciação à docência de LIC

Isabel Cristina Rangel Moraes Bezerra

Resumo


A formação de docentes na graduação de Letras (Português/Inglês) nas universidades brasileiras não costuma oferecer disciplinas voltadas para o ensino de língua estrangeiras para crianças (LEC) ou, como no caso em análise, de língua inglesa para crianças (LIC), apesar da demanda em escolas particulares e em algumas redes de ensino público. Nesse cenário, insere-se a proposta do projeto de ID que coordeno, o qual visa oferecer um espaço discursivo para a construção de saberes e para o pensar crítico sobre esse ensino-aprendizagem. Assim, com base pesquisa na área (PINTER, [2006]2015; SEGANFREDO; BENEDETTI, 2009; CRISTÓVÃO; GAMERO, 2009), apresento pressupostos teóricos para fundamentar uma proposta de LIC, bem como para a formação do professor para esse segmento. Apoiada na abordagem híbrida para o ensino-aprendizagem, formação docente e reflexão da Prática Exploratória e em seus princípios (ALLWRIGHT, 1996; MILLER, 2013), ao invés de resultados, trago alguns entendimentos sobre a formação inicial de professoras de inglês a partir do projeto de iniciação à docência em tela na voz de uma bolsista. Tais entendimentos locais podem, por sua vez, contribuir para aprofundar as discussões em curso na área de ensino de inglês para crianças e formação inicial de professores de inglês para esse público.

Palavras-chave


Formação docente inicial; Prática Exploratória; Ensino de inglês para crianças; Letramento crítico.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/soletras.2018.32698

Licença Creative Commons

SOLETRAS online - ISSN 2316 8838

Revista do Departamento de Letras

Faculdade de Formação de Professores da UERJ

Rua Dr. Francisco Portela, 1470 - Patronato - São Gonçalo - RJ

Cep: 24435-005 - e-mail: soletrasonline@yahoo.com.br