A aprendizagem significativa na formação docente inicial: relato de uma experiência no curso de Letras

Neluana Leuz de Oliveira Ferragini

Resumo


A formação docente dentre suas finalidades visa formar profissionais reflexivos que sejam autores de suas próprias práticas.  Partindo desse pressuposto, esta pesquisa-ação, situada no campo da Linguística Aplicada, tem por  objetivo analisar o processo de didatização do gênero discursivo ensaio literário na formação docente inicial, refletindo se as ações contempladas  contribuem para uma aprendizagem significativa e crítica. Por se configurar como um estudo longitudinal, o corpus consiste na avaliação do processo realizada por três acadêmicos do primeiro ano do curso de Letras Português, na disciplina de Práticas de Leitura e Produção de Textos,  no ano de 2014. Para efeitos de análise, esta pesquisa adapta as categorias de análise de pensamento crítico, de Newman, Cochrane, Webb (1995). Os resultados demonstram uma possibilidade de articular teoria e prática e, assim, exemplificar, na formação docente inicial, propostas contextualizadas de estudo da língua portuguesa, permitindo a apropriação crítica do conteúdo como também um espaço para uma aprendizagem significativa do professor de amanhã.

 

 


Palavras-chave


Formação docente. Língua portuguesa. Aprendizagem Significativa Crítica.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/soletras.2018.32214

Licença Creative Commons

SOLETRAS online - ISSN 2316 8838

Revista do Departamento de Letras

Faculdade de Formação de Professores da UERJ

Rua Dr. Francisco Portela, 1470 - Patronato - São Gonçalo - RJ

Cep: 24435-005 - e-mail: soletrasonline@yahoo.com.br