Ayoluwa, a alegria de nosso povo: o livro Olhos d’ água, um fermento para formação antirracista

Flávia Paola Félix Meira, Julvan Moreira de Oliveira

Resumo


O presente trabalho propõe refletir sobre as possibilidades da implementação das Diretrizes Curriculares da Educação das Relações Étnico-Raciais e para o Ensino de História e Cultura Afro-Brasileira e Africana (DCNERER) na formação inicial e continuada de professores, a partir do livro Olhos D´água, de Conceição Evaristo, como recurso didático. A escolha da autora foi inspirada nas reflexões e incômodos apresentados por Anzaldúa (2000) em, Falando em línguas: uma carta para as mulheres escritoras do terceiro mundo, um texto que convida as mulheres de cor do terceiro mundo a escreverem, expondo as dificuldades e atravessamentos neste caminhar, funcionando como uma estratégia também de libertação. A proposta consiste em identificar como algumas recomendações e objetivos presentes nas DCNERER, que pleiteia sobre a construção de um currículo mais plural e diverso, podem ser abordadas a partir do livro Olhos D’água como recurso didático em sala de aula ou em processos de formação de professores, criando espaços seguros de fala e de reflexões críticas. Como encaminhamentos, reforçamos e endossamos que, para a construção de um currículo que consiga abarcar o que as DCNERER propõem, é preciso permitir que vozes como a de Conceição Evaristo ecoem e anunciem, ocupando lugares dos grandes chamados cânones, combatendo o epistemicídio  e contra-colonizando este território de poder e disputa, seja no ensino superior, ou na educação básica.


Palavras-chave


currículo; formação docente; DCNERER

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/teias.2022.70283

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1518-5370 [impresso] • 1982-0305 [eletrônico]
Teias, uma publicação eletrônica do Programa de Pós-Graduação em Educação – ProPEd/UERJ
Qualis/Capes - A2 (2017/2018) 
DOI: 10.12957/teias

 

Licença Creative Commons

Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional