INCLUSÃO DE ESTUDANTES COM DEFICIÊNCIA INTELECTUAL: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA DA LITERATURA

Carla Beatris Valentini, Ruthie Bonan Gomes, Cláudia Alquati Bisol

Resumo


O presente trabalho tem como objetivo identificar aspectos facilitadores para a inclusão de estudantes com deficiência intelectual em escolas comuns, a partir de revisão sistemática de literatura. O corpus de análise foi composto por 44 artigos publicados em periódicos científicos nacionais de 2008 a 2015, localizados através dos descritores: deficiência mental, deficiência intelectual, Síndrome de Down e inclusão escolar. Análise de conteúdo de Bardin permitiu identificar aspectos facilitadores específicos (planejamento, adequação curricular, formação de professores, estrutura, investimentos, etc.), além de aspectos relacionados à aceitação da diversidade, crenças e atitudes como caminhos que podem viabilizar mudanças no cotidiano das escolas.

DOI: https://doi.org/10.12957/teias.2016.25502


Palavras-chave


Educação inclusiva; deficiência intelectual; aspectos facilitadores

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/teias.2016.25502

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1518-5370 [impresso] • 1982-0305 [eletrônico]
Teias, uma publicação eletrônica do Programa de Pós-Graduação em Educação – ProPEd/UERJ
Qualis/Capes - A2 (2017/2018) 
DOI: 10.12957/teias

 

Licença Creative Commons

Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional