EDUCAÇÃO, CINEMA, MOVIMENTOS SOCIAIS E POVOS DO CAMPO NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

Marilia Campos, Taís Lobo

Resumo


O presente artigo visa trazer algumas reflexões em torno do cinema/audiovisual comunitário e vinculado aos movimentos sociais em seus múltiplos sentidos educativos, implementado em cursos, oficinas, laboratórios, seminários e encontros pautados na educação popular. Nessa perspectiva, compreendem-se o cinema e o “fazer cinematográfico” não como meios “técnicos”, mas como linguagem possibilitadora de metodologias que articulem práticas sociais, políticas e comunitárias outras. Algumas experiências vivenciadas no estado do Rio de Janeiro são narradas e analisadas nesse diálogo entre cinema/audiovisual, educação popular e movimentos sociais.

Palavras-chave


cinema/audiovisual comunitário, educação popular, movimentos sociais.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/teias.2016.24580

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1518-5370 [impresso] • 1982-0305 [eletrônico]
Teias, uma publicação eletrônica do Programa de Pós-Graduação em Educação – ProPEd/UERJ
Qualis/Capes - A2 (2017/2018) 
DOI: 10.12957/teias

 

Licença Creative Commons

Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional