Por outra universidade: um projeto de educação popular na perspectiva de Rocha Pombo

ALEXANDRA LIMA DA SILVA

Resumo


O horizonte do presente trabalho é compreender os significados do envolvimento do intelectual José Francisco da Rocha Pombo na criação de universidades no país. Em 1892, Rocha Pombo elaborou um projeto de construção de uma universidade em Curitiba, concebendo-a como um dos principais espaços de modernização da cidade, produtora da marcha rumo ao “progresso à civilização”. Simpatizante da causa anarquista, participou da criação da Universidade Popular de Ensino Livre, no Rio de Janeiro, em 1904. Em viagem ao Norte do Brasil, no ano de 1917, se encantou com a Universidade de Manaus. Na perspectiva do intelectual, a Universidade deveria fazer parte de um projeto de educação popular, responsável pela formação de sábios capazes de promover a elevação moral e intelectual do país.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1518-5370 [impresso] • 1982-0305 [eletrônico]
Teias, uma publicação eletrônica do Programa de Pós-Graduação em Educação – ProPEd/UERJ
Qualis/Capes - A2 (2017/2018) 
DOI: 10.12957/teias

 

Licença Creative Commons

Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional