JUSTIÇA DIGITAL E O FUTURO DA COMPETÊNCIA TERRITORIAL

Arthur Künzel Salomão, Marco Antonio dos Santos Rodrigues

Resumo


O presente artigo tem como objetivo principal relacionar a implementação do juízo digital com a competência territorial. Considerando os efeitos que a tecnologia ocasionou nos hábitos hodiernos, bem como a compreensão que o estudo do direito se compreende dentro de uma ciência social, é fato que o avanço tecnológico proporcionou alterações no meio jurídico. Assim, é inegável que atualmente o uso de aplicações de tecnologia apresentam uma perspectiva muito promissora para a prática jurídica, sendo capaz de oferecer aos operadores do direito possibilidades anteriormente inimagináveis. Com efeito, a estruturação de um juízo digital muito contribuiria para prestação jurisdicional

Palavras-chave


Acesso à Justiça. Competência. Juízo 100% Digital. Processo Civil. Tecnologia.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/redp.2021.62254

REVISTA ELETRÔNICA DE DIREITO PROCESSUAL - REDP

 

Campus Maracanã, Pavilhão João Lyra Filho, 7º andar

Bloco F, sala 7123. Rio de Janeiro/RJ. Brasil

Telefones: (21) 2334-0072 ou 2334-0312. E-mail: fhrevistaprocessual@gmail.com