CONFIGURAÇÃO CONTEXTUAL E ESTRUTURA POTENCIAL DO GÊNERO DISCURSIVO RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO: ENTRELAÇANDO ENSINO E FORMAÇÃO DE PROFESSORES

Miliane Moreira Cardoso Vieira, Vilma Nunes da Silva Fonseca

Resumo


O propósito deste artigo é analisar relatórios de Estágio Supervisionado de Licenciatura em Letras (Português/Inglês), nomeados neste trabalho de RES. Nos relatórios analisados focalizaremos a Configuração Contextual (CC) e a Estrutura Potencial do Gênero (EPG), vistos em Halliday e Hasan (1989). Junto com este intuito abordaremos a questão da prática escrita do professor em formação inicial. Iniciamos o artigo discutindo a teoria sociossemiótica da linguagem de Halliday, as concepções de texto na Linguística sistêmico Funcional (LSF), passamos ao estudo de gênero, registro e metafunções na LSF, correlacionamos gênero e registro à configuração contextual e estrutura potencial do gênero e concluímos apresentando as análises e algumas reflexões referentes à pesquisa em questão.


Palavras-chave


Configuração Contextual. Estrutura Potencial do Gênero. LSF. Relatórios. Estágio.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/pr.2013.8659

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os comentários


Pensares em Revista no Diadorim Pensares em Revista na BASE Pensares em Revista no Diadorim Pensares em Revista no Google Scholar Pensares em Revista no Latindex Pensares em Revista no Livre Logo do Periódicos CAPES

 

R. Dr. Francisco Portela, 1470 - Patronato, São Gonçalo - RJ, CEP: 24435-005