A ESTÉTICA DA EXISTÊNCIA NOS ROMANCES DE FORMAÇÃO: A CONSTRUÇÃO DA VIDA BELA NOS ROMANCES LITERÁRIOS / The aesthetics of existence in the formation novels: the construction of beautiful life in literary novels

Jordana da Silva Corrêa, Neiva Afonso Oliveira

Resumo


Este artigo objetiva evidenciar a integração existente entre o conceito de estética da existência e os romances de formação. Tomamos o conceito foucaultiano de estética da existência, entendido como uma maneira bela de construir a própria vida, originado do conceito de cuidado de si, compreendido como a transformação do indivíduo, para compor e integrar o conceito de romance de formação, que são romances que descrevem e relatam o percurso de formação de um personagem, expondo a sua evolução em um determinado período de sua vida. A condução e construção do sujeito refletem-se nos seus hábitos, no seu comportamento e no modo de encarar a vida, que deve ser construída de forma bela. As características dessa vida bela, como a transformação do indivíduo e a construção autônoma de sua própria vida, estão explicitadas nos romances de formação. A transformação desse personagem é visível no desfecho das narrativas, evidenciando um indivíduo que, cada vez mais, se constitui eticamente e vai se construindo de modo belo, a partir de um cuidado de si mesmo, quando o indivíduo está preocupado com sua própria espiritualidade e com a compreensão de si mesmo, caminhando em direção a certo grau de perfectibilidade, a qual não tem fim e acaba por ser uma tarefa infinita.


Palavras-chave


Romance de Formação; Estética da Existência; Vida bela.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/pr.2020.47703

Pensares em Revista no Diadorim Pensares em Revista na BASE Pensares em Revista no Diadorim Pensares em Revista no Google Scholar Pensares em Revista no Latindex Pensares em Revista no Livre Logo do Periódicos CAPES

 

R. Dr. Francisco Portela, 1470 - Patronato, São Gonçalo - RJ, CEP: 24435-005