NÍVEL DE CONHECIMENTO, ATITUDES E PRÁTICAS DOS MANIPULADORES DE ALIMENTOS EM SERVIÇOS DE ALIMENTAÇÃO

Hiara Zanoni Pagotto, Ludmilla Gonçalves Espíndula, Alyne Gomes da Vitória, Maria Clara de Moraes Motta Machado, Jackline Freitas Brilhante de São José

Resumo


Objetivo: Avaliar o nível de conhecimento, atitudes e práticas de manipuladores de alimentos de serviços de alimentação. Materiais e Métodos: Trata-se de estudo transversal feito com manipuladores de alimentos de 15 serviços de alimentação, sendo que participaram da pesquisa 75 indivíduos. Foi aplicado um questionário contendo questões sociodemográficas e para avaliação do conhecimento, atitudes e práticas (CAP). O questionário autoaplicável continha 30 questões relacionadas às boas práticas na manipulação dos alimentos. Foi considerada adequada a nota igual ou superior a 70 % para a avaliação de cada bloco e do questionário por completo. Os dados foram analisados com auxílio do software SPSS, versão 22. Resultados e Discussão: 64% dos manipuladores exerciam atividades em restaurantes comerciais e 84% eram do sexo feminino. Quanto ao nível de escolaridade, 52% dos manipuladores tinham o ensino médio completo. Quanto às questões sobre CAP, no bloco de conhecimento e atitudes foram observadas menores pontuações quando comparado ao bloco de práticas. A média de pontuação no questionário foi igual a 54,9 ± 4,18. Falhas quanto ao entedimento e conhecimento sobre cuidados com os alimentos podem diminuir o nível de consciência sobre manipulação adequada e culminar em uma falsa ideia de segurança. Conclusão: Os manipuladores apresentaram falhas na avaliação do conhecimento; ressalta-se, assim, a necessidade de treinamento, de modo a agregar informações para promover melhorias de desempenho nas atividades executadas.

DOI: 10.12957/demetra.2018.30528


Palavras-chave


Boas Práticas de Fabricação. Serviços de alimentação. Qualidade dos alimentos. Manipulação de alimentos. Controle de qualidade.

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: https://doi.org/10.12957/demetra.2018.30528