EDUCAÇÃO DAS RELAÇÕES ÉTNICO-RACIAIS E A FORMAÇÃO DOS PROFESSORES: CURRÍCULO DO CURSO DE PEDAGOGIA DA UEL – 2010/2017/2019

Autores

DOI:

https://doi.org/10.12957/riae.2024.73809

Palavras-chave:

Formação de professores, Relações Étnico-raciais, Currículo, Pedagogia

Resumo


O artigo discute a formação inicial do Pedagogo da Universidade Estadual de Londrina – UEL e a Educação das Relações Étnico-raciais (ERER). O estudo parte da seguinte indagação: como o curso de Pedagogia da Universidade Estadual de Londrina vem abordando tal temática em seu currículo? As Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino de História e Cultura Africana e Afro-brasileira e para a Educação das Relações Étnico-raciais (DCNERER) vêm sendo contempladas nas disciplinas? Tem-se por objetivo geral analisar o currículo do curso de Pedagogia da UEL dos anos de 2010, 2017 e 2019 e as perspectivas atribuídas à Educação das Relações Étnico-raciais e para o Ensino de História e Cultura Afro-Brasileira e Africana. Para alcançar os objetivos, optou-se pela pesquisa bibliográfica e documental. Foram analisadas o Projeto Pedagógico, as disciplinas e os conteúdos do curso. Os estudos mostram que o curso de Pedagogia fornece poucos subsídios para o trabalho com a Educação das Relações Étnico-raciais, contrariando o que é previsto nas DCNERER. 

Biografia do Autor

Marleide Rodrigues da Silva Perrude, Universidade Estadual de Londrina.

Marleide Rodrigues da Silva Perrude, UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA
Pós doutora pela Unesp de Marília/SP, Doutorado em Educação pela Universidade Estadual de Campinas/UNICAMP. Atualmente é docente da Universidade Estadual de Londrina, Departamento de Educação, área de Políticas Educacionias, Estado e Sociedade e coordenadora do Núcleo de Estudos Afro-brasileiro.

Gabriela Paula Santos, Universidade Estadual de Londrina

Graduada pela Universidade Estadual de Londrina, no curso de Pedagogia.

Simone Burioli, Universidade Estadual de Londrina

Pós-doutora em Educação pela Universidade Estadual Paulista (UNESP-Araraquara, 2020), doutora em Educação pela Universidade Estadual de Maringá (UEM, 2016), mestra em Educação pela Universidade Estadual de Maringá (UEM, 2009), possui graduação em Pedagogia pela Universidade Estadual de Maringá (UEM). É professora Adjunta do Departamento de Educação da Universidade Estadual de Londrina (UEL 2010-Atual), na área de História da Educação. É professora do Programa de Pós-Graduação em Educação da UEL e coordenadora da Linha 1 -Perspectivas Filosóficas, Históricas, Políticas e Culturais da Educação (2021-atual). Faz parte do Laboratório de Ensino e Pesquisa em História da Educação - LEPHE/UEL. Comissão de Pesquisa do Departamento de Educação (2022-atual). É membro da SBHE (Sociedade Brasileira de História da Educação) Tem experiência na área de Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: história da educação, produção discente, instituições educativas, educação rural, fontes, arquivos escolares, imprensa pedagógica, pesquisa educacional e formação de professores.

Referências

ARAUJO, L. F. A Lei 10.639/2003 e sua maior idade. Há o que se comemorar? Revista

Docência Cibercultura, Rio de Janeiro. v. 5, n. 2, p. 279-294, maio/ago 2021.

BRASIL. Conselho Nacional de Educação/Conselho Pleno (CNE/CP). Parecer n° 2.167. Diretrizes Curriculares Nacionais para a Formação Inicial de Professores para a Educação Básica e Base Nacional Comum para a Formação Inicial de Professores da Educação Básica (BNC-Formação). Diário Oficial da União: Seção 1, Brasília, DF, p. 142, 20 de dezembro de 2019.

______. Conselho Nacional de Educação. Parecer CNE/CP 009/2001, de 8 de maio de 2001.

______. Conselho Nacional de Educação. Resolução CNE/CP no 01, de 17 de junho de 2004. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 22 jun. 2004. Seção 1, p. 11.

______. Conselho Nacional de Educação. Resolução CNE/CP No 1/2006, de 15 de maio de 2006. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 16 de maio de 2006. Secado 1, p. 11.

______. Constituição (1988). Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília, DF: Senado Federal: Centro Gráfico, 1988.

______. Governo Federal. Lei n. 9.394 de 20 de dezembro de 1996. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 23

dez. 1994. Seção 1, p. 27.833.

______. Governo Federal. Lei n°10.639 de 09 de janeiro de 2003. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 10 jan. 2003. Seção 1, p. 1.

______. Governo Federal. Lei n°13.005, de 25 de junho de 2014. Diário Oficial da União, Brasilia, DF, 26 jun. 2014, Seção 1. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2014/lei/l13005.htm . Acesso em: 20 fev. 2023.

_______. Ministério da Educação. Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação das Relações Étnico-Raciais e para o Ensino de História e Cultura Afro-Brasileira e Africana. In: ______. Diretrizes Curriculares Nacionais Gerais da Educação Básica. Brasília-DF: Secretaria de Educação Básica/Diretoria de Currículos e Educação Integral, 2009.

______. Plano Nacional de Educação 2014-2024. Brasília: Edições Câmara, 2015

CARDOSO, L. Branquitude acrítica e crítica: a supremacia racial e o branco antirracista. Revista Latinoamericana de Ciencias Sociales, Niñez y Juventud, Manizales. v.8. n. 1. p.607-630, ene./jun. 2010

CAVALLEIRO, E. S. Identificando o racismo, o preconceito e a discriminação racial na escola. In: LIMA, I.C.; ROMÃO, S.; SILVEIRA, S.M. (Org.). Os negros e a escola brasileira. Florianópolis: NEN – Núcleo de Estudos Negros, n.6.1999.

CRUZ, A.M.V. NASCIMENTO, R.N.F. As leis 10639/03 e 11645/08: perspectivas e debates

no campo da Antropologia da Educação. Vozes, Pretérito & Devir, Universidade Federal ́

do Piauí. v.11, n.2, p.218-236, 2020.

GOMES, M. M.; GOMES, F. das C; ARAUJO NETO, B. B. de; MOURA, N. D. de S.; MELO, S. R. de A.; ARAUJO, S. F. de; NASCIMENTO, A. K. do; MORAIS, L. M. D. de. Reflexões sobre a formação de professores: características, histórico e perspectivas. Revista Educação Pública, v. 19, n. 15, 6 ago. 2019. Disponível em: https://educacaopublica.cecierj.edu.br/artigos/19/15/reflexoes-sobre-a-formacao-de- professores-caracteristicas-historico-e-perspectivas. Acesso em: 10 dez. 2022.

GOMES, N. L. Educação e relações raciais: refletindo sobre algumas estratégias de atuação. In: MUNANGA, Kabengele (Org.). Superando o racismo na escola. Brasília, DF: MEC, 2005. p.143-154.

______. Relações étnico-raciais, educação e descolonização dos currículos. Currículo sem Fronteiras. Minas Gerais, v.12, n.1, p. 98-109, jan./abr. 2012.

GOMES, N. L.; JESUS, R. E. As práticas pedagógicas de trabalho com relações étnico-raciais na escola na perspectiva da Lei 10.639/2003: desafios para a política educacional e indagações para a pesquisa. Educar em Revista. Curitiba, no 47, p. 19-33, jan/mar, 2013.

GONÇALVES, R. J. A superioridade racial em Immanuel Kant: as justificações da dominação europeia e suas implicações na América Latina.Kínesis, v.7, n.13, p.179-195, jul. 2015.

LÜDKE, M.; ANDRÉ, M.E.D.A. Pesquisa em educação: abordagens qualitativas. São Paulo: EPU, 1986.

MUNANGA, K. Superando o racismo na escola. Brasília: MEC/SECAD, 2005.

NOGUEIRA, A. M. A Implementação da Lei nº 10.639/03 em cursos de formação de professores: o discuros institucional da UFMG. 2017. 18p. Dissertação (Mestrado em Educação)-Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2017.

NONATO, G. A. Formação inicial de professores para a diversidade étnico-racial nas licenciaturas em letras e pedagogia em duas IES mineiras. 2018. 182f. Dissertação (Mestrado em Educação)-Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2018.

RIZZO, J. G. de S. A formação inicial de professores e as implicações para a educação das relações etnicorraciais nos cursos de Pedagogia de MS. 2018. 172 f. Dissertação (Mestrado em Educação)-Universidade Federal da Grande Dourados, Dourados, 2018.

RODRIGUES, T C.; OLIVEIRA, F. Li de SANTOS, F. da S. Desafios da Implementação da Lei n° 10.639/03: um estudo de caso de municípios do Estado de São Paulo. Revista de Educação, PUC-Campinas, v.21, n.3, p.281-294, 2016. Disponível em: https://www.redalyc.org/journal/5720/572061643003/html/. Acesso em: 3 dez.2022.

UNICEF. O enfrentamento da exclusão escolar no Brasil: Campanha Nacional pelo Direito à Educação. Brasília, 2014.

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA. Projeto Pedagógico do Curso de Pedagogia. Londrina, 2007.

______.Projeto Pedagógico do Curso de Pedagogia. Londrina, 2010.

______.Projeto Pedagógico do Curso de Pedagogia. Londrina, 2019

Downloads

Publicado

09-01-2024

Como Citar

PERRUDE, Marleide Rodrigues da Silva; SANTOS, Gabriela Paula; BURIOLI, Simone. EDUCAÇÃO DAS RELAÇÕES ÉTNICO-RACIAIS E A FORMAÇÃO DOS PROFESSORES: CURRÍCULO DO CURSO DE PEDAGOGIA DA UEL – 2010/2017/2019. Revista Interinstitucional Artes de Educar, [S. l.], v. 10, n. 1, p. 77–95, 2024. DOI: 10.12957/riae.2024.73809. Disponível em: https://www.e-publicacoes.uerj.br/riae/article/view/73809. Acesso em: 20 jul. 2024.

Edição

Seção

DOSSIÊ - 20 ANOS DA LEI 10.639: CONVERSAS CURRICULARES ENTRE SABERES, PRÁTICAS E POLÍTICAS ANTIRRACISTAS