Projeto Flora na comunidade Xucuru Kariri Warkanã de Aruanã, MG e as possibilidades do currículo narrativ

Autores

  • Beatriz Sales da Silva Faculdade de Educação UNICAMP
  • Maria Ines de Freitas Petrucci Rosa Faculdade de Educação UNICAMP

DOI:

https://doi.org/10.12957/riae.2015.14326

Palavras-chave:

currículo narrativo, mônadas, memória.

Resumo

Projeto Flora na comunidade Xucuru Kariri Warkanã de Aruanã, MG e as possibilidades do currículo narrativo

Resumo

 

O artigo apresenta uma experiência vivida na comunidade escolar Xucuru Kariri, Caldas, MG, que teve como referência uma ação pedagógica denominada Projeto Flora, baseado na obra literária de Bartolomeu Campos de Queirós e na história de vida da matriarca da comunidade. As semelhanças entre a personagem Flora e a matriarca Flora suscitaram uma estreita relação entre a ficção e a realidade, promovendo a produção de um currículo narrativo, fazendo emergir o registro e memória com o potencial  mobilizar identidades na perspectiva da cultura local. Do ponto de vista teórico, a experiência é ressignificada a partir da proposição de Ivor Goodson que considera a possibilidade de tratar o currículo como narrativa.  As narrativas foram ouvidas e ressignificadas como mônadas, a partir de uma perspectiva benjaminiana.

Palavras Chaves: currículo narrativo, mônadas, memória.

Biografia do Autor

Beatriz Sales da Silva, Faculdade de Educação UNICAMP

Ensino e Práticas Culturais - PHALA

Maria Ines de Freitas Petrucci Rosa, Faculdade de Educação UNICAMP

Ensino e Práticas Culturais - PHALA

Referências

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

BENJAMIN, Walter. Magia e técnica, arte e política: ensaios sobre literatura e

história da cultura. Tradução de Sérgio Paulo Rouanet. São Paulo: Brasiliense,

(Obras escolhidas v.1)

GAGNEBIN, Jeanne-Marie. História e Narração em Walter Benjamin. São Paulo: Perspectiva, 2004.

GOODSON, Ivor. Currículo, narrativa e o futuro social. Revista Brasileira de Educação v. 12 n. 35 maio/ago. 241, 2007.

GUIMARÃES, Susana Grillo. A formação de professores indígenas no Brasil hoje. in: VEIGA, Juracilda e SALANOVA, Andrés (orgs.) Questões de educação escolar indígena: da formação do professor ao projeto de escola. Brasília: FUNAI/DEDOC, Campinas: ALB, 172 p. , 2001.

LAROSSA, Jorge. Tremores: escritos sobre a experiência. Tradução: Cristina Antunes, João Wanderley Geraldi. Belo Horizonte: Autêntica, 2014

LEIBNIZ, Gottfried Wilhelm von. Os Princípios da Filosofia ditos a Monadologia. In: Coleção Os Pensadores. 1a. edição. Vol. XIX. São Paulo: Abril Cultural, 1974.

PETRUCCI-ROSA, Maria Inês, RAMOS, Tacita Ansanello, CORREA, Bianca Rodrigues, ALMEIDA JR., Admir Soares. Narrativas e Mônadas: potencialidades para uma outra compreensão de currículo. Revista Currículo Sem Fronteiras, v. 11, n. 1, pp. 198-217, Jan-Jun, 2011.

QUEIRÓS, Bartolomeu Campos de. Flora. São Paulo: Global, 2009.

SILVA, Beatriz Sales da. Educação escolar indígena : Mas, o que é mesmo uma escola diferenciada? Trajetória, equívocos e possibilidades no contexto da E. E. Indígena Xucuru Kariri Warkanã, de Aruanã (Caldas, MG). Campinas/ FE/UNICAMP: Dissertação de Mestrado, 2010. Disponível em http://www.bibliotecadigital.unicamp.br/ - último acesso 18/12/2014.

Downloads

Publicado

26-08-2015

Como Citar

DA SILVA, Beatriz Sales; PETRUCCI ROSA, Maria Ines de Freitas. Projeto Flora na comunidade Xucuru Kariri Warkanã de Aruanã, MG e as possibilidades do currículo narrativ. Revista Interinstitucional Artes de Educar, [S. l.], v. 1, n. 2, p. 229–246, 2015. DOI: 10.12957/riae.2015.14326. Disponível em: https://www.e-publicacoes.uerj.br/riae/article/view/14326. Acesso em: 24 jul. 2024.