PODCASTS NO ENSINO DE BIOLOGIA: O TEMA SAÚDE NO ENSINO REMOTO EMERGENCIAL

Autores

  • Caio Roberto Siqueira Lamego Instituto Oswaldo Cruz (IOC-Fiocruz). Instituto Superior de Educação Professor Aldo Muylaert (ISEPAM-FAETEC). https://orcid.org/0000-0002-5184-1518
  • Maria Cristina Ferreira dos Santos Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Docente dos Programas de Pós-Graduação em Ensino de Ciências, Ambiente e Sociedade e Ensino em Educação Básica da UERJ. https://orcid.org/0000-0003-4522-1109
  • Paulo Roberto Vasconcellos da Silva Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO). Pesquisador do Laboratório de Inovações em Terapias, Ensino e Bioprodutos / LITEB, Instituto Oswaldo Cruz/Fiocruz. https://orcid.org/0000-0003-4646-3580

DOI:

https://doi.org/10.12957/redoc.2023.73834

Palavras-chave:

TDIC, concepção de saúde, Curso Normal.

Resumo

O objetivo do estudo foi analisar  conteúdos em podcasts disponibilizados durante o Ensino Remoto Emergencial para uso na disciplina escolar Biologia no Curso Normal no Ensino Médio da rede estadual do Rio de Janeiro. A pesquisa teve natureza qualitativa e foi realizada a análise de conteúdo de podcasts. Inicialmente foram ouvidos 40 podcasts e selecionados para a análise somente aqueles relacionados a temas sobre saúde para o Curso Normal. Foram elaboradas Nuvens de Palavras para direcionar a eleição das temáticas mais centrais à estruturação de categorias sobre as concepções de saúde. Conteúdos sobre saúde foram identificados somente em 4 podcasts de aulas do 1º ano do Ensino Médio: Alimentação: cuidado com o sistema digestório, Dengue, Tuberculose e Diabetes e sua relação com a pandemia do Coronavírus. A concepção biomédica foi a predominante, com centralidade da dicotomia saúde e doença. Além desta, a concepção higienista foi identificada em um podcast.

Biografia do Autor

Caio Roberto Siqueira Lamego, Instituto Oswaldo Cruz (IOC-Fiocruz). Instituto Superior de Educação Professor Aldo Muylaert (ISEPAM-FAETEC).

Graduado em Licenciatura Plena em Ciências Biológicas pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro - Faculdade de Formação de Professores (UERJ-FFP). Doutorando em  Ciências pelo Programa de Pós-graduação em Biociências e Saúde - IOC/Fiocruz. Mestre em Ensino de Biologia pelo Programa de Pós-graduação em Ensino de Ciências, Ambiente e Sociedade da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Docente das disciplinas de Ciências e Biologia na Secretaria de Estado de Educação do Rio de Janeiro (SEEDUC-RJ) e das disciplinas de Biologia no Colégio de Aplicação e Teorias do Currículo e Pedagogia Institucional do Curso de Licenciatura em Pedagogia do Instituto Superior de Educação Aldo Muylaert (ISEPAM/FAETEC). Atuou como Professor Supervisor do Subprojeto Interdisciplinar PIBID/CAPES/UERJ e do Subprojeto Biologia PIBID/CAPES/UERJ. Atualmente é professor preceptor de Residência Pedagógica do Subprojeto Biologia CAPES/UERJ. Desenvolve pesquisas com ênfase no ensino de Ciências e Biologia, formação docente, educação socioambiental, práticas interdisciplinares, multiculturalismo, práticas interculturais na educação básica e Educação em Saúde.

Referências

ALCÂNTARA, Caio Mário Guimarães; LIMA, Rosângela Dória; LINHARES, Ronaldo Nunes. Avaliação formativa com recurso às TDIC: a formação do professor para a avaliação do desempenho de estudantes. In: 9º Simpósio Internacional de Educação e Comunicação, Aracajú, p. 1-15, 2018. Disponível em: <https://eventos.set.edu.br/simeduc/article/view/9465/4119>. Acesso em: 13 jan. 2023.

ALMEIDA FILHO, Naomar. O que é saúde? Rio de Janeiro: Editora Fiocruz, 2011. 160 p.

ANDRÉ, Marli Eliza. Etnografia da prática escolar. 17 ed. São Paulo: Papirus, 2010. 128 p.

ANTUNES, Maria José Moraes; SHIGUENO, Luiza Y. Okudaina; MENEGHIN, Paolo. Métodos pedagógicos que influenciaram o planejamento das ações educativas dos enfermeiros: revisão bibliográfica. Revista da Escola de Enfermagem da USP, São Paulo, v. 33, n. 2, p. 165-174, 1999. Disponível em: <https://www.scielo.br/j/reeusp/a/dYnqzwchYGVxRFD3jCgf6yp/?format=pdf&lang=pt>. Acesso em: 20 jan. 2023.

AUTOR. XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX. 2022.

AUTOR. XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX. 2019.

AUTOR. XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX. 2013.

BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. São Paulo: Edições 70, 2016. 279 p.

BRASIL. Base Nacional Comum Curricular. Brasília: MEC, 2018. 595 p. Disponível em: <http://basenacionalcomum.mec.gov.br/images/BNCC_EI_EF_110518_versaofinal_site.pdf>. Acesso em: 15 jan. 2023.

BUSS, Paulo Marchiori; PELLEGRINI-FILHO, Alberto. A saúde e seus determinantes Sociais. Physis: Revista de Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 17, n. 1, p. 77-93, 2007. Disponível em: <https://www.scielo.br/j/physis/a/msNmfGf74RqZsbpKYXxNKhm/?format=pdf&lang=pt>. Acesso em: 20 jan. 2023.

CAMPOS, Claudinei José Gomes. Método de análise de conteúdo: ferramenta para a análise de dados qualitativos no campo da saúde. Revista Brasileira de Enfermagem, Brasília, v. 57, n. 5, p. 611-614, 2004. Disponível em: <https://www.scielo.br/j/reben/a/wBbjs9fZBDrM3c3x4bDd3rc/?format=pdf&lang=pt>. Acesso em: 20 jan. 2023.

CELLARD, André. Análise documental. In: POUPART, Jean; DESLAURIERS, Jean-Pierre; GROULX, Lionel-H.; LAPERRIÈRE, Anne; MAYER, Robert.; PIRES, Álvaro (Org.). A pesquisa qualitativa: enfoques epistemológicos e metodológicos. Rio de Janeiro: Vozes, 2020. p. 295-316.

CORADINI, Neirimar Humberto Kochhan; BORGES, Aurélio Ferreira; DUTRA, Charles Emerick Medeiros. Tecnologia educacional Podcast na Educação Profissional e Tecnológica. Revista Eletrônica Científica Ensino Interdisciplinar, Mossoró-RN, v. 6, n. 16, p. , 2020. Disponível em: <http://periodicos.apps.uern.br/index.php/RECEI/article/view/1617/1661>. Acesso em: 20 jan. 2023.

CZERESNIA, Dina; MACIEL, Elvira Maria Godinho de Seixas; OVIEDO, Rafael Antonio Malagón. Os sentidos da saúde e da doença. Rio de Janeiro: Editora Fiocruz, 2013. 119 p.

CZERESNIA, Dina. O conceito de saúde e a diferença entre prevenção e promoção. In: CZERESNIA, Dina; FREITAS, Carlos Machado; FREITAS (Org.). Promoção da Saúde: conceitos, reflexões, tendências. Rio de Janeiro: Editora da Fiocruz, 2009. p. 43-57.

DINIZ, Maria Cecilia Pinto; OLIVEIRA, Tatiana Carolina; SCHALL, Virgínia Torres. “Saúde como compreensão de vida”: avaliação para inovação na Educação em Saúde para o ensino fundamental. Revista Ensaio, Belo Horizonte, v. 12, n. 1, p. 119-144, 2010. Disponível em: <https://www.scielo.br/j/epec/a/GMCptYt4JfnQGpckbDYjbCB/?format=pdf&lang=pt>. Acesso em: 19 jan. 2023.

FREIRE, Eugênio Paccelli Aguiar. Conceito educativo de podcast: um olhar para além do foco técnico. Educação, Formação & Tecnologias, Lisboa, v. 6, n. 1, p. 35-51, 2013. Disponível em: <https://eft.educom.pt/index.php/eft/article/view/340/184>. Acesso em: 20 jan. 2023.

GERHARDT, Tatiana Engel; SILVEIRA, Denise Tolfo. Métodos de pesquisa. Porto Alegre: Editora da UFRGS, 2009. 120 p.

JESUS, Joselito Manoel; SILVA, Ana Lúcia Gomes; SILVA, Zuleide Paiva. Práxis na Cibercultura: dialógica entre pedagogia freiriana e as pedagogias feministas. Revista Docência e Cibercultura, Rio de Janeiro, v. 5, n. 3, p. 53-83, 2021. Disponível em: <https://www.e-publicacoes.uerj.br/index.php/re-doc/article/view/60085/39546>. Acesso em: 13 jan. 2023.

MENDES, Marcele Tavares; TREVISAN, André Luis; ELIAS, Henrique Rizek. A utilização de TDIC em tarefas de avaliação: uma possibilidade para o ensino de cálculo diferencial e integral. Debates em Educação, Alagoas, v. 10, n. 22, p. 140-163, 2018. Disponível em: <https://seer.ufal.br/index.php/debateseducacao/article/view/5308/pdf>. Acesso em: 13 jan. 2023.

MINAYO, Maria Cecília de Souza. O desafio da pesquisa social. In: MINAYO, Maria Cecília de Souza; DESLANDES, Suely Ferreira; GOMES, Romeu. Pesquisa social: teoria, método e criatividade. Rio de Janeiro: Vozes, 2019. p. 9-28.

MOHR, A. A natureza da educação em saúde no ensino fundamental e os professores de ciências. Tese de Doutorado, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2002. 409 p.

NASCIMENTO, Josean Santos; SOUSA, Adailsa Alves; SOBRAL, Anderson da Conceição Santos. Oficina de produção de podcasts: um recurso didático-pedagógico para o ensino de Ciências e Biologia. Cadernos de Graduação: Ciências Biológicas e da Saúde Unit, Aracajú, v. 7, n. 3, p. 37-45, abr. 2022. Disponível em: <https://periodicos.set.edu.br/cadernobiologicas/article/view/10815/5135>. Acesso em: 19 fev. 2023.

NUNES, Denize de Albuquerque. Uso de Podcast como ferramenta digital de avaliação no Novo Ensino Médio. Dissertação de Mestrado, Universidade Federal de Tocantins, Tocantins, 2022. 98 p.

SCHALL, Virgínia Torres. Educação em Saúde no contexto brasileiro – influências sócio-históricas e tendências atuais. Educação em Foco, Belo Horizonte, v. 1, n. 1, p. 41-58, 2005. Disponível em: <https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/30020>. Acesso em: 19 jan. 2023.

SCLIAR, Moacyr. História do conceito de saúde. Physis: Revista de Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 17, n. 1, p. 29-41, 2007. Disponível em: <https://www.scielo.br/j/physis/a/WNtwLvWQRFbscbzCywV9wGq/?format=pdf&lang=pt>. Acesso em: 19 jan. 2023.

VENTURI, Tiago. Educação em Saúde sob uma perspectiva pedagógica e formação de professores: contribuições das ilhotas interdisciplinares de racionalidade para o desenvolvimento profissional docente. Tese de Doutorado, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2018. 303 p.

Downloads

Publicado

2024-01-12

Como Citar

LAMEGO, Caio Roberto Siqueira; DOS SANTOS, Maria Cristina Ferreira; DA SILVA, Paulo Roberto Vasconcellos. PODCASTS NO ENSINO DE BIOLOGIA: O TEMA SAÚDE NO ENSINO REMOTO EMERGENCIAL. Revista Docência e Cibercultura, [S. l.], v. 8, n. 1, p. 116–133, 2024. DOI: 10.12957/redoc.2023.73834. Disponível em: https://www.e-publicacoes.uerj.br/re-doc/article/view/73834. Acesso em: 17 jul. 2024.