A IMPORTÂNCIA DA FORMAÇÃO DOS PROFESSORES EM EDUCAÇÃO SEXUAL PARA ATENDER A DEMANDA DO NOVO ENSINO MÉDIO

Autores

DOI:

https://doi.org/10.12957/redoc.2023.68406

Palavras-chave:

Recursos didáticos. Formação continuada. Formação inicial. Educação sexual

Resumo

As discussões sobre educação sexual ainda têm sido uma área negligenciada nas escolas, devido à falta de preparo dos professores na formação inicial e continuada para lidar com um tema considerado polêmico, visto por muitos como tabu. Neste contexto, o presente estudo teve como objetivo analisar a relevância de um curso de formação em educação sexual para professores do ensino médio. A pesquisa tem natureza quali-quantitativa. Desse modo, para compreender a percepção dos professores do Ensino Médio do Distrito Federal acerca da importância da formação em educação sexual, a pesquisa utilizou o curso de formação ofertado pela UnB para professores da rede pública. Os dados foram coletados por meio de dois questionários. Os resultados mostram que os docentes gostaram do curso, pois forneceu diversos recursos didáticos e conteúdo para completar a prática pedagógica e que os professores sabem a importância da formação continuada em sexualidade. Por fim, o curso de formação mostrou-se uma opção viável e de interesse dos professores.

Biografia do Autor

Rayane Brandão Ribeiro, Universidade de Brasília

Mestranda no Laboratório de Endocrinofisiologia e Reprodução Animal (IB/UnB). Graduada em Ciências Biológicas (Licenciatura e Bacharel) pela Universidade de Brasília (2020).

Referências

BARR, Elissa M.; GOLDFARB, Eva S.; RUSSELL, Susan; SEABERT, Denise; WALLEN, Michele; WILSON, Kelly L. Improving Sexuality Education: The Development of Teacher-Preparation Standards. Journal of School Health, v. 84, n. 6, p. 396–415, 2014.

BENGTSSON, Jenny; BOLANDER, Eva. Strategies for inclusion and equality – ‘norm-critical’ sex education in Sweden. Sex Education, v. 20, n. 2, p. 154–169, 2020. Disponível em: https://www.tandfonline.com/doi/abs/10.1080/14681811.2019.1634042. Acesso em: 29 abr. 2022.

BORGES, Ana Luiza Vilela; FUJIMORI, Elizabeth; KUSCHNIR, Maria Cristina Caetano; DO NASCIMENTO CHOFAKIAN, Christiane Borges; DE MORAES, Ana Júlia Pantoja; AZEVEDO, George Dantas; DOS SANTOS, Karine Ferreira; DE VASCONCELLOS, Mauricio Teixeira Leite. ERICA: iniciação sexual e contracepção em adolescentes brasileiros. Revista de saúde pública, v. 50, 2016.

BUENO, Kely Cristina; FRANZOLIN, Fernanda. A utilização de recursos didáticos nas aulas de Ciências Naturais nos Anos Iniciais do Ensino Fundamental. In: XI Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências, 2017. Anais XI ENPEC. Florianópolis, 2017.

BULZONI, Ana Maura Martins Casteli; LEÃO, Andreza Marques de Castro; MUZZETI, Luci Regina. Gestores escolares: formação continuada em sexualidade uma vivência contemporânea. Revista Internacional de Formação de Professores, Itapetininga, v. 3, n. 4, p. 5–16, 2018. Disponível em: https://periodicos.itp.ifsp.edu.br/index.php/RIFP/article/view/1312. Acesso em: 6 mar. 2022.

BUTLER, Rebekah Saul; SORACE, Danene; BEACH, Kathleen Hentz. Institutionalizing Sex Education in Diverse U.S. School Districts. Journal of Adolescent Health, v. 62, n. 2, p. 149–156, 2018. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S1054139X17304652. Acesso em: 30 abr. 2022.

COELHO, Francisco José Figueiredo; MONTEIRO, Simone. Educação sobre Drogas: Possibilidades da EaD na Formação Continuada de Professores. Revista EaD em Foco, v. 7, n. 2, p. 194-204, 2017.

CORBAGI, Eula Raissa Chaves de Almeida; BONZANINI, Taitiâny Karita. A formação inicial dos licenciados em Ciências Biológicas e o Tema Sexualidade. Revista de Ensino de Biologia da SBEnBio, v. 14, n. 1, p. 12-31, 2021.

DISTRITO FEDERAL, Secretaria de Estado da Educação do Distrito Federal, Currículo em Movimento da Educação Básica: Ensino Médio. Brasília, 2020. Disponível em: https://www.educacao.df.gov.br/pedagogico-curriculo-em-movimento/. Acesso em: 16 fev. 2022.

FERREIRA, Gabriella Rossetti. Cursos de formação em educação sexual que empregam as tecnologias digitais. 2015. Dissertação (Mestrado em Educação Sexual) - Faculdade de Ciências e Letras, Universidade Estadual Paulista, Araraquara, 2015.

FERNÁNDEZ, Diego Fernández; SUÁREZ, María Rodríguez; BELTRÁN, Iván Gómez. Materiales para la educación sexual en espacios no formales: el Conseyu de la Mocedá d’Asturies. Magister, v. 33, p. 11–16, 2021. Disponível em: https://reunido.uniovi.es/index.php/MSG/article/view/16595/14477. Acesso em: 29 abr. 2022.

FIGUEIRÓ, Mary Neide Damico. Educação sexual: como ensinar no espaço da escola. Revista Linhas, v. 7, n. 1, 2006.

FIGUEIRÓ, Mary Neide Damico. Educação sexual: saberes essenciais para quem educa. Curitiba: CRV, 2018.

FIGUEIRÓ, Mary Neide Damico. Educação Sexual no dia a dia. Londrina: EDUEL, 2020.

FLÔRES, Ana Luiza Zappe Desordi; LIMA, Quelen Colman Espíndola; COUTINHO, Cadidja. Google classroom como ambiente para a formação continuada de professores: desafios e possibilidades. Revista Docência e Cibercultura, v. 5, n. 4, p. 160-172, 2021.

FRANCO-ASSIS, Greice Ayra; SOUZA, Ediane Eduão Ferreira De; BARBOSA, Adriana Gonçalves. Sexualidade na escola: desafios e possibilidades para além dos PCNS e da BNCC. Brazilian Journal of Development, Curitiba, v.7, n.2, p.13662-13680, feb.2021.

GIL, Antonio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 4ª ed. São Paulo: Atlas, 2002.

JARDIM, Dulcilene Pereira; BRÊTAS, José Roberto da Silva. Orientação sexual na escola: a concepção dos professores de Jandira - SP. Revista Brasileira de Enfermagem, v. 59, p. 157-162, 2006.

LAMEIRAS-FERNÁNDEZ, María; MARTÍNEZ-ROMÁN, Rosana; CARRERA-FERNÁNDEZ, María Victoria; RODRÍGUEZ-CASTRO, Yolanda. Sex Education in the Spotlight: What Is Working? Systematic Review. International Journal of Environmental Research and Public Health, v. 18, n. 5, p. 1–31, 2021.

LÜDKE, Menga; ANDRÉ, Marli E. D. A. Abordagens qualitativas de pesquisa: a pesquisa etnográfica e o estudo de caso. Pesquisa em Educação: Abordagens Qualitativas. Rio de Janeiro, RJ: EPU, 2013. p. 12-28.

MANO, Amanda de Mattos Pereira. A educação em sexualidade na perspectiva de futuros pedagogos. In: XII Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências, 2019. Anais XII ENPEC. Natal, 2019.

MARQUES, Keiciane Canabarro Drehmer; DE TOLENTINO NETO, Luiz Caldeira Brant; DOS SANTOS, Lucas Santiago. Avaliação da Participação de Professores de Biologia em um Curso de Formação Continuada a Distância: Dificuldades e Perspectivas. EaD em Foco, v. 8, n. 1, 2018.

MARTIN, Jeno; RIAZI, Hedyeh; FIROOZI, Armin; NASIRI, Maliheh. A sex education program for teachers of preschool children: a quasi-experimental study in Iran. BMC public health, v. 20, n. 1, p. 1–9, 2020. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/32410684/. Acesso em: 30 abr. 2022.

MARTINS, Sidney Pires; SANTOS, Mateus José dos. A profissão docente durante a pandemia: contribuições de um curso de formação continuada sobre as TDICs na educação. ForScience, v. 9, n. 2, p. e00943, 2021. Disponível em: http://www.forscience.ifmg.edu.br/forscience/index.php/forscience/article/view/943. Acesso em: 20 fev. 2022.

MIRANDA, Ana Regina Branco de. Educação sexual e formação de professores as: Uma revisão bibliográfica sistemática nas bases da Capes e IBICT entre 2000 e 2020. Tese (Mestrado em Educação Sexual) - Universidade Estadual Paulista, Araraquara. 2021.

MORAES, Roque. Uma tempestade de luz: a compreensão possibilitada pela análise textual discursiva. Ciência & Educação, v. 9, n. 2, p. 191-211, 2003.

MORAIS, Nívea Aparecida Alves de. Educação para a sexualidade: um estudo sobre as práticas dos professores de Biologia do Ensino Médio. 2020. Dissertação (Mestrado Profissional em Ensino de Biologia) - Universidade de Brasília, Brasília, 2020.

MORAIS, Nívea Aparecida Alves de; GUIMARÃES, Zara Faria Sobrinha; MENEZES, João Paulo Cunha de. Educação sexual: as percepções dos professores de biologia do ensino médio. Revista de Ensino de Biologia da SBEnBio, v. 14, n. 2, p. 135-156, 2021.

OLIVEIRA, Edicleia Lima De; REZENDE, Jaqueline Martins; GONÇALVES, Josiane Peres. História da sexualidade feminina no Brasil: entre tabus, mitos e verdades. Revista Ártemis, v. 26, n. 1, p. 303-314, 2018.

OLIVEIRA, Luana Maria. Sexualidade: uma proposta metodológica para formação inicial de professores de ciências naturais. 2018. Dissertação (Mestrado Profissionalizante em Ensino de Ciências) - Universidade de Brasília, Brasília, 2018.

RODRIGUES, Adriana R. Ferreira; SALLES, Gilsani Dalzoto. Educação sexual, gênero e diversidade sexual: formação de professoras e alunas multiplicadoras como metodologia de ensino. In: II Simpósio Gênero e políticas públicas, 2011. Anais II Simpósio Gênero e Políticas Públicas. Londrina, 2011.

SARMENTO, Sued Sheila; ROCHA, João Batista Teixeira Da; LIRA, Margaret Olinda de Souza Carvalho e; COSTA, Dhessika Riviery Rodrigues dos Santos; SANTOS, Mariana Brandt Fernandes; BARBOSA, Kalliny Mirella Gonçalves. Estratégias metodológicas nas abordagens sobre IST no ensino fundamental. Revista de Educação da Universidade Federal do Vale do São Francisco, v. 8, n. 17, 2018.

SILVA, Lucia Rejane Gomes da. Sexualidade e orientação sexual na formação de professores: uma análise da política educacional. 2010. Tese (Doutorado em Educação) - Universidade Estadual Paulista, Araraquara, 2010.

SILVA, Susanne Pinheiro Costa e; BARBOSA, Andressa Pereira Peixoto; ARAÚJO, Carla Santos; SILVA, Tuanny Italla Marques Da; SANTANA, Rebeca Nunes. Discutindo sexualidade/IST no contexto escolar: práticas de professores de escolas públicas. Revista de Enfermagem UFPE, Recife, v. 10, n. 5, p. 4295- 4303, 2016. Disponível em: http://www.revista.ufpe.br/revistaenfermagem/index.php/revista/article/viewFile/8694/pdf_11408. Acesso em: 18 fev. 2022.

TAVARES, Bruno. Educação Sexual no Programa de Educação Tutorial dos cursos de Ciências Biológicas da UFSC. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Centro de Ciências Biológicas, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2019.

UNESCO. Orientações técnicas internacionais de educação em sexualidade: uma abordagem baseada em evidências. 2a ed. Brasília: UNESCO, 2019. Disponível em: https://unesdoc.unesco.org/ark:/48223/pf0000369308. Acesso em: 15 fev. 2022.

ZERBINATI, João Paulo; BRUNS, Maria Alves de Toledo. Sexualidade e educação: revisão sistemática da literatura científica nacional. Revista Travessias, Cascavel, v.11, n.1, p. 76-92,2017.

Downloads

Publicado

2023-07-05

Como Citar

RIBEIRO, Rayane Brandão; DA COSTA JUNIOR, Valdir Machado; PAULINI, Fernanda. A IMPORTÂNCIA DA FORMAÇÃO DOS PROFESSORES EM EDUCAÇÃO SEXUAL PARA ATENDER A DEMANDA DO NOVO ENSINO MÉDIO. Revista Docência e Cibercultura, [S. l.], v. 7, n. 1, p. 01–22, 2023. DOI: 10.12957/redoc.2023.68406. Disponível em: https://www.e-publicacoes.uerj.br/re-doc/article/view/68406. Acesso em: 17 abr. 2024.