O candomblé sob a mira do racismo e do terrorismo religioso: ataques, categorias e identidades reinventadas

Autores

DOI:

https://doi.org/10.12957/redoc.2021.56317

Palavras-chave:

Racismo religioso. Terrorismo religioso. Intolerância religiosa. Candomblé.

Resumo

O tema desse trabalho é a discussão em torno dos ataques contra as religiões afro, com foco no Candomblé. A partir disso objetiva-se compreender as categorias que são usadas para definir esses ataques e outras questões relacionadas ao tema, como a questão identitária dos candomblecistas. O método consistiu em pesquisa de campo, pesquisa bibliográfica e entrevistas semi-estruturadas. Os resultados apontam que a identidade candomblecista foi reinventada nesse contexto de violação de direitos e que novas categorias estão sendo utilizadas para definir os ataques. Conclui-se então que a discussão em torno do tema deve ser feita a fim de acompanhar as mudanças nesse campo de pesquisa.

Biografia do Autor

Ozaias Silva Rodrigues, Universidade Federal do Amazonas

Antropologia das populações afro-brasileiras.

Referências

ARMSTRONG, Karen. Em nome de Deus: o fundamentalismo no judaísmo, no cristianismo e no islamismo. Tradução de Hildegard Feist. São Paulo: Companhia das Letras, 2009.

CAPONNI, Giovanna; ARAÚJO, Patrício Carneiro. “Eu me declaro”: diálogo sobre transformações, auto-definições e reivindicações políticas nos cultos afro-brasileiros. 2015.

CUNHA, Christina Vital da. Religião e criminalidade: traficantes e evangélicos entre os anos 1980 e 2000 nas favelas cariocas. Religião e Sociedade, Rio de Janeiro, 34 (1): 61-93, 2014.

DEUS, Lucas Obalera de; PACHECO, Ronilso. Tráfico, igrejas evangélicas e intolerância religiosa. Blog Negro Belchior. 2017. Disponível em: https://negrobelchior.com.br/trafico-igrejas-evangelicas-e-intolerancia-religiosa/. Acesso em: 30/11/2020.

FONSECA, Alexandre Brasil; ADAD, Clara Jane (orgs.). Relatório sobre intolerância e violência religiosa no Brasil (2011-2015): resultados preliminares. Brasília, Secretaria Especial de Direitos Humanos, 2016.

GEERTZ, Clifford. A interpretação das culturas. 1. ed., 13. Reimpr. Rio de Janeiro: LTC, 2008.

GUALBERTO, Marcio Alexandre M. Mapa da Intolerância Religiosa – Violação ao Direito de Culto no Brasil. Associação Afro-brasileira Movimento de Amor ao Próximo (Aamap). Rio de Janeiro, 2011.

MORAES, Roberto José Nery. Teoria geral do racismo religioso: crime de ódio. Revista Tempo Amazônico, p. 15-28, v. 4, n. 1, jul/dez de 2016.

MOZENA, Danielle. Resenha: GUALBERTO, Marcio Alexandre M.: Mapa da Intolerância Religiosa 2011: violação ao direito de culto no Brasil. Rever – Revista de Estudos da Religião, ano 11, n°2, Jul/Dez, 2011.

OLIVEIRA, Rosenilton Silva de. A cor da fé: “identidade negra” e religião. 262 p. Tese de Doutorado em Antropologia Social, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2017.

VELECI, Nailah Neves. Cadê Oxum no espelho Constitucional? Os obstáculos sócio-políticos-culturais para o combate às violações dos direitos dos povos e comunidades tradicionais de terreiro. 145 p. Dissertação de Mestrado em Direitos Humanos e Cidadania, Universidade de Brasília, Brasília, 2017.

Downloads

Publicado

2021-07-12

Como Citar

RODRIGUES, Ozaias Silva. O candomblé sob a mira do racismo e do terrorismo religioso: ataques, categorias e identidades reinventadas. Revista Docência e Cibercultura, [S. l.], v. 5, n. 2, p. 51–72, 2021. DOI: 10.12957/redoc.2021.56317. Disponível em: https://www.e-publicacoes.uerj.br/re-doc/article/view/56317. Acesso em: 13 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigo Seção Temática