MEMÓRIAS DA DOCÊNCIA: EXPERIÊNCIAS E CULTURAS DISCENTES COMO DESAFIOS À DEMOCRACIA ESCOLAR

Andréa Rosana Fetzner

Resumo


Este ensaio-relato apresenta parte de minha experiência, no início da carreira docente, como professora dos anos iniciais do ensino fundamental, buscando trazer elementos que podem ajudar a compreender nossas dificuldades em relação à comunicação entre os docentes, os estudantes e os conteúdos escolares. Destacam-se as tentativas e os desafios da democratização escolar, em especial aspectos que envolvem a democratização do entendimento sobre conhecimento escolar. A questão é abordada, também, por meio das contribuições da interculturalidade crítica como atitude política de construção de uma sociedade com mais equidade e menor desigualdade, destacando-se suas contribuições para o entendimento e a organização das atividades escolares.


Palavras-chave


comunicação; conteúdo escolar; interculturalidade crítica.

Texto completo:

PDF

Referências


ARBEX Jr, José. Auschwits está na próxima esquina. Caros Amigos. Out. 2015, p. 9.

CANDAU, Vera Maria. Multiculturalismo e educação: desafios para a prática pedagógica. In MOREIRA, Antonio Flávio e CANDAU, Vera Maria. (orgs.) Multiculturalismo: diferenças culturais e práticas pedagógicas. Petrópolis, RJ: Vozes, 2008. p. 13-37.

FORRESTIER, Viviane. O horror econômico. São Paulo: Editora da Universidade paulista, 1997.

FREINET, Celestin. Pedagogia do Bom Senso. Tradução Ruth Delgado. Lisboa: Moraes Editora, 1973.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia: saberes necessários à prática educativa. 2ª. Ed. São Paulo: Paz e Terra, 1997.

FREITAS, Luiz Carlos de. Crítica da organização do trabalho pedagógico e da didática. 11ª Ed. Campinas: Papirus, 2011.

LIMA, Lauro de Oliveira. Mutações em educação segundo Mc Luhan. 8ª. Ed. Petrópolis: Vozes, 1975.

OBSERVATÓRIO DO PNE. (site) http://www.observatoriodopne.org.br/metas-pne/2-ensino-fundamental/indicadores consultado em 06 de agosto de 2016.

PARO, Vitor Henrique. Educação como exercício do poder: crítica ao sendo comum em educação. Coleção Questões da Nossa Época. São Paulo: Cortez, 2008.

PÉREZ GÓMEZ, Angel. I. A aprendizagem escolar: da didática operatória à reconstrução da cultura na sala de aula. In GIMENO SACRISTÁN, José e PÉREZ GÓMEZ, Angel. I. Compreender e transformar o ensino. Porto Alegre: Editora Artes Médicas Sul Ltda, 1998. p. 53-66.

RUSSO, Aline França. Relendo M. Delly: personagens, enredo, crítica. [Dissertação de Mestrado] Belo Horizonte: UFMG. Faculdade de Letras, 2012.

SOUZA, Hebert José de. Como se faz Análise de Conjuntura. 16ª. Edição. Petrópolis: Vozes, 1996.

WALSH, Catherine. Interculturalidade Crítica e Pedagogia Decolonial: in-surgir; re-existir e re-viver. In CANDAU, Vera Maria (Org.) Educação Intercultural na América Latina: entre concepções, tensões e propostas. Rio de Janeiro: 7 Letras, 2009.




DOI: https://doi.org/10.12957/riae.2016.25508

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


e-ISSN: 2359-6856

 


Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

 

 

Indexada em:


 

 

Realização: