ENSINO REMOTO DE HISTÓRIA POR MEIO DO WHATSAPP

Autores

DOI:

https://doi.org/10.12957/redoc.2022.64480

Resumo

A continuidade da pandemia de Covid-19 em 2021 impossibilitou o retorno das aulas presenciais. Desta forma, os processos de ensino-aprendizagem continuaram sendo desenvolvidos por meio do WhatsApp nas escolas municipais da rede pública de Cuiabá-MT. Sob esta perspectiva, este artigo investiga e discute de que forma estes docentes podem promover o ensino remoto de História através desta plataforma, a fim de alcançar uma aprendizagem significativa e motivadora. Assim, concluímos que o WhatsApp constitui-se em uma alternativa viável para a socialização e construção do conhecimento histórico durante as aulas remotas. Mas, para isto, torna-se indispensável à realização de um planejamento adequado ao contexto virtual e as especificidades de cada turma.

Referências

ALENCAR, G. A et al. WhatsApp como ferramenta de apoio ao ensino. Anais dos Workshops do IV Congresso Brasileiro de Informática na Educação (CBIE), 2015.

ALMEIDA , A. R. de. O uso das mídias digitais como ferramenta de ensino da língua portuguesa. Trabalho de Conclusão de Curso apresentado à Faculdade de Ciências da Linguagem da Universidade Federal do Pará, 2019.

ARAÚJO, P. C e JUNIOR, J.B.B. O aplicativo de comunicação Whatsapp como estratégia no ensino de Filosofia. Temática, Ano XI, n. 02 - Fevereiro/2015 - NAMID/UFPB.

BORGES. M.A.Q; BRAGA. J.L.M. O ensino de História nos Anos Iniciais do Ensino Fundamental. Revista On-line Unileste, v. 01, 2012. p. 1- 8. Disponível em: http://www.unilestemg.br/revistaonline/volumes/01/sumario.html acesso em: 08 dez. 2020.

BORTOLAZZO, Sandro Faccin. Nascidos na era digital: outros sujeitos, outra geração. XVI ENDIPE - Encontro Nacional de Didática e Práticas de Ensino/UNICAMP. Campinas: Junqueira & Marin, 2012.

BUNZEN, C. O ensino de língua materna em tempos de pandemia. In: RIBEIRO, Ana Elisa; MATTOS VECCHI, Pollyanna de (Org.). Digitais e escola: reflexões no projeto aula aberta durante a pandemia. São Paulo: Parábola, 2020. P. 21–30.

CARBONARI, M. R. De como explicar la región sin perderse em el interno. Repasando y repensando la Historia Regional. História Unisinos, São Leopoldo: v.13, n.1, p.19-34, 2009.

CARVALHO, B. L. P. de. Onde fica a autoridade do historiador no universo digital? In: MAUAD, Ana Maria; SANTHIAGO, Ricardo; BORGES, Viviane Trindade (orgs.). Que história pública queremos? São Paulo: Letra e Voz, p. 169-180, 2018.

COSTA, R. P. da. CASSIMIRO, E.E. SILVA, R. R. da. Tecnologias no processo de alfabetização nos anos iniciais do ensino fundamental. Revista Docência e Cibercultura, v.5, n.1, 2021.

FERREIRA, C.B, MARTINS, F.A.S, AFONSO, M.L.M. O Whatsapp na escola: desafios do uso de TICs na educação. 7º Seminário de Educação e formação humana: desafios do tempo presente. II Simpósio Educação, Formação e Trabalho, UEMG, 2015.

FONSECA, S. G. História local e fontes orais: uma reflexão sobre saberes e práticas de ensino de História. História Oral, v. 9, n. 1, p. 125-141, jan.-jun. 2006.

FRANCO, A. P. A cultura midiática infantil e a construção da noção de tempo histórico. Cad. Cedes, Campinas, vol. 30, n. 82, p. 311-323, set.-dez. 2010

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, 1996.

GABRIEL, MARTHA. (2013) “Educar: a (r) evolução digital na educação”, São Paulo: Saraiva.

GOODSON, I. F. A construção social do currículo. Lisboa: Educa, 2007.

HONORATO, W. A. M. e REIS, R. S. F. (2014) “Whatsapp - Uma nova ferramenta para o ensino”, In: Anais do IV Simpósio de Desenvolvimento, Tecnologias e Sociedade.

JOAQUIM, B. dos S. e PESCE, L. “As Tecnologias Digitais da Informação e da Comunicação nos Contextos da Educação de Jovens e Adultos: Uma Revisão de Literatura (2007- 2014) ”. Olhares, vol. 4, n. 1, 2016.

JÚNIOR, J. B. B e ALBUQUERQUE, O.C.P. Possibilidades para o uso do WhatsApp na educação: análise de casos e estratégias pedagógicas. Revista Tecnologias na Educação, n. 18, v.18, 2016. I Simpósio Nacional de Tecnologias Digitais na Educação- tecnologiasnaeducacao.pro.br

JÚNIOR, J. B. B. WhatsApp e suas Aplicações na Educação: uma revisão sistemática da Literatura. Revista EducaOnline, v.10, n. 2, maio/ago. 2016.

KAIESKI, N. et al. Um estudo sobre as possibilidades pedagógicas de utilização do WhatsApp. Novas Tecnologias na Educação, v. 13, n. 2, dez, 2015.

KOCHHANN, A. et al. O uso do whatsapp como possibilidade de aprendizagem: uma experiência no ensino superior. IV Semana de Integração: XIII Semana de Letras, XV Semana de Pedagogia e I Simpósio de Pesquisa e Extensão (SIMPEX) – “Educação e Linguagem: (re)significando o conhecimento”, 2015.

KENSKI, V. Educação e tecnologias. O novo ritmo da informação. Campinas: Papirus Editora. 2013.

LE GOFF, J. História e memória. 5. ed. Campinas, SP: UNICAMP, 2003.

LÉVY, P. A inteligência coletiva: por uma antropologia do ciberespaço. Tradução: Luiz Paulo Rouanet. 5. Ed. São Paulo: Loyola, 2007.

LIVINGSTONE, S. , & SMITH, PK ( 2014 ). Análise anual da pesquisa: Danos experimentados por crianças usuárias de tecnologias online e móveis: a natureza, prevalência e gestão de riscos sexuais e agressivos na era digital . Jornal da criança Psicologia e Psiquiatria , 55 , 635 - 654 .

LUDIN, E. B. Os benefícios das mídias digitais para a pesquisa em sala de aula. Trabalho de Conclusão de Curso. Porto Alegre, 2019.

MÉDICI, M. S.; TATTO, E. R.; LEÃO, M. F. Percepções de estudantes do Ensino Médio das redes pública e privada sobre atividades remotas ofertadas em tempos de pandemia do coronavírus. Revista Thema, v. 18, n. ESPECIAL, p. 136-155, 2020.

MORAN, J. M. Educação híbrida: Um conceito-chave para a educação hoje. In: BACICH, Lilian; NETO, Adolfo Tanzi; TREVISANI, Fernando de Mello. Ensino híbrido: personalização e tecnologia na educação. Porto Alegre: Penso, 2015.

MOREIRA, J.A., and TRINDADE, S.D. O Whatsapp como dispositivo pedagógico para a criação de ecossistemas educomunicativos. In: PORTO, C., OLIVEIRA, K.E., and CHAGAS, A., comp. Whatsapp e educação: entre mensagens, imagens e sons [online]. Salvador: Ilhéus: EDUFBA; EDITUS, 2017, pp. 49-68.

MISKOLCI, R. Novas conexões: notas teórico-metodológicas para pesquisas sobre o uso de mídias digitais. Cronos: R. Pós-Grad. Ci. Soc. UFRN, Natal, v. 12, n.2, p. 09-22, jul./dez. 2011.

MOURA, M. J. F. de. O ensino de História e as novas tecnologias: da reflexão à ação pedagógica. In: SIMPÓSIO NACIONAL DE HISTÓRIA, Fortaleza. Anais do XXV Simpósio Nacional de História – História e Ética. Fortaleza: ANPUH, 2009.

MÜLLER, A.J e LAMBERTY, G.M. As mídias digitais no ensino de história: Relatos de experiências no ensino médio. Dissertação apresentada como requisito parcial à obtenção do grau de Mestre em Design, no Curso de Pós-Graduação em Design da Universidade Federal do Paraná, 2016.

NETO, A. A. de O.; VERSUTI, A.; VAZ, W. F. Perspectivas para o uso do Whatsapp no estímulo à aprendizagem dos sujeitos. In: SEMANA DE LICENCIATURA, 13., 2016, Jataí, GO. Anais... Jataí, GO: IFG – Campus Jataí, 2016. p. 222-236.

NUNES, M. F; SPERRHAKE, R. Ensino Remoto e anos iniciais do ensino fundamental: reflexões em torno da docência e de algumas escolhas didáticopedagógicas para o ensino da leitura e da escrita. Signo, Santa Cruz do Sul, v. 46, n. 85, p. 26-34, jan. 2021.

OLIVEIRA, E. D. S., SOUSA, H. M, ANJOS, E. G., JUNIOR, J. J. L. D., LEITE, J. E. R., OLIVEIRA, F. S. (2014) “Experiência de Uso do Whatsapp como Ambiente Virtual de Aprendizagem em um curso a distância”, In: Anais do XXV SBIE - XX WIE.

OLIVEIRA, S. S.; SILVA, O. S. F.; SILVA, M. J. O. Educar na incerteza e na urgência: implicações do ensino remoto ao fazer docente e a reinvenção da sala de aula. Interfaces Científicas, v.10, n.1, p. 25-40, 2020.

NERI, J. H.P. Mídias sociais em escolas: uso do WhatsApp como ferramenta pedagógica no ensino médio. Estação Científica, nº 14, jul/dez, 2015.

NUNES, M. F e SPERRHAKE, R. Ensino Remoto e Anos Iniciais do Ensino Fundamental: reflexões em torno da docência e de algumas escolhas didático-pedagógicas para o ensino da leitura e da escrita. Santa Cruz do Sul, v.46, n. 85, p.26-34 jan./abr. 2021.

PAULINO, D. B et al., WhatsApp® como Recurso para a Educação em Saúde: Contextualizando Teoria e Prática em um Novo Cenário de Ensino-Aprendizagem. Revista Brasileira de Educação Médica, p. 166 – 180, 2018.

PEDROSA, G. F. S. O uso de tecnologias na prática docente em um pré-vestibular durante a pandemia da covid-19. Boletim de Conjuntura, ano II, vol. 2, n. 6, Boa Vista, 2020.

PORTO, C; OLIVEIRA, E. C; CHAGAS, Alexandre. WhatsApp e Educação: entre mensagens, imagens e sons. In. O WhatsApp como dispositivo pedagógico para a criação de ecossistemas educomunicativos. Salvador: EDUFBA, 2017

SANTOS, M. T. dos. Memória cinematográfica: a reconstrução histórica das ditaduras brasileira e chilena através da produção fílmica de Lúcia Murat e Pablo Larraín. Dissertação (Mestrado em História) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Porto Alegre, 2015.

SILVA, Marcos, GUIMARÃES, Selva. Ensinar história no século XXI: Em busca do tempo entendido. Campinas, SP: Papirus, 2007.

SILVA, F. P. H. Ética e responsabilidade moral no uso das tecnologias de informação e comunicação. Dissertação (Mestrado em Educação). Universidade do Paraná, Curitiba, 2013.

SOSA, D.; TAVARES, L. C.. Ensino de História e Novas Tecnologias. Revista LatinoAmericana de História. Vol. 2, nº. 6 Ago/2013 Edição Especial. Disponível em http://projeto.unisinos.br/rla/index.php/rla/article/viewArticle/237. Acesso em: 16.10.2021.

SCHMIDT, Maria A.M.S. e GARCIA, Tânia M.F.B. A formação da consciência histórica de alunos e professores e o cotidiano em aulas de história. Cadernos Cedes, Campinas, vol. 25, n. 67, p. 297- 308, set./dez. 2005.

Downloads

Publicado

2022-11-07

Como Citar

BRITO, Amanda Fernandes; MARTINS BRITO, Cláudio Arruda. ENSINO REMOTO DE HISTÓRIA POR MEIO DO WHATSAPP. Revista Docência e Cibercultura, [S. l.], v. 6, n. 1, p. 01–22, 2022. DOI: 10.12957/redoc.2022.64480. Disponível em: https://www.e-publicacoes.uerj.br/re-doc/article/view/64480. Acesso em: 13 jul. 2024.