Prevenção de lesões por pressão nos doentes em unidades de cuidados intensivos [Preventing pressure ulcers in patients in intensive care units] [Prevención de úlceras por presión en pacientes en unidades de cuidados intensivos]

Paulo Alexandre Carvalho Ferreira, Livia Moreira Delphim, Joana Filipa Cunha Rodrigues, Maria João da Graça Silva Neves Dias

Resumo


Objetivo: identificar o nível de conhecimento e quais as atitudes dos enfermeiros sobre a prevenção de lesões por pressão nos doentes em unidades de cuidados intensivos. Método: foi realizada pesquisa bibliográfica em abril de 2020, na plataforma EBSCOhost, selecionando as bases de dados Academic Search Complete, CINAHL Complete e MedicLatina, na MEDLINE, através da plataforma Pubmed, na Scopus e na Web of Science. A partir da aplicação dos critérios de inclusão e exclusão, foram analisados oito artigos primários. Resultados: o nível de conhecimento dos enfermeiros demonstrou ser insuficiente e as suas atitudes positivas. Os principais fatores influenciadores foram: idade, anos de experiência profissional, formação/educação e treino na área das lesões por pressão. Conclusão: há necessidade da avaliação do nível de conhecimento dos enfermeiros relativamente à prevenção de lesões por pressão e da criação/implementação de programas educativos.

ABSTRACT

Objective: to identify nurses' knowledge and attitudes about pressure injury prevention in patients in the intensive care unit. Method: a bibliographic search was carried out in April 2020, in the EBSCOhost platform (selecting the Academic Search Complete, CINAHL Complete and MedicLatina databases), in MEDLINE (through the Pubmed platform), in Scopus and in Web of Science. After application of the inclusion and exclusion criteria, eight primary articles were examined. Results: the nurses' level of knowledge proved to be insufficient and their attitudes, positive. The main influencing factors were age, years of professional experience, education and training in pressure injuries. Conclusion: the nurses’ level of knowledge regarding the prevention of pressure injuries needs to be assessed and educational programs, created and implemented.

RESUMEN

Objetivos: identificar el nivel de conocimientos y actitudes de los enfermeros sobre la prevención de úlceras por presión en enfermos en unidades de cuidados intensivos. Método: se realizó una búsqueda bibliográfica en abril de 2020, en la plataforma EBSCOhost, en las bases de datos Academic Search Complete, CINAHL Complete y MedicLatina, en MEDLINE, a través de la plataforma Pubmed, de Scopus y de la Web of Science. A partir de la aplicación de los criterios de inclusión y exclusión, se analizaron 8 artículos primarios. Resultados: el nivel de conocimiento de los enfermeros se mostró insuficiente pero sus actitudes fueron positivas. Los principales factores de influencia fueron la edad, los años de experiencia profesional, la formación/educación y la capacitación en el campo de las úlceras por presión. Conclusión: es necesario evaluar el nivel de conocimiento de los enfermeros en relación con la prevención de úlceras por presión y de la creación/aplicación de programas educativos.


Palavras-chave


Enfermagem; Lesão por Pressão; Cuidados Intensivos; Conhecimento.

Texto completo:

PDF(POR) PDF(ENG) (English)


DOI: https://doi.org/10.12957/reuerj.2021.55832

Direitos autorais 2021 Paulo Alexandre Carvalho Ferreira, Livia Moreira Delphim, Joana Filipa Cunha Rodrigues, Maria João da Graça Silva Neves Dias

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.