Diagnóstico situacional do preparo e administração de imunobiológicos [Situational diagnosis of preparation and administration of immunobiologics] [Diagnóstico situacional de preparación y administración de inmunobiológicos]

Thiago Augusto Soares Monteiro da Silva, Mônica de Almeida Carreiro

Resumo


Esta pesquisa objetivou especificar como se caracteriza o preparo e a administração de imunobiológicos por via intramuscular e descrever as condições ambientais nas quais são realizados esses procedimentos. Trata-se de uma pesquisa descritiva que utilizou observações não participativas registradas em um diário de campo, seguindo um roteiro específico. Foi realizada com sete profissionais de enfermagem, em Vassouras-RJ, em 2009. Os resultados mostram que os profissionais não estão realizando a higienização das mãos e os que a realizam o fazem de forma inadequada; foi evidenciada a não reconstituição cuidadosa dos imunobiológicos e a administração foi realizada da forma mais satisfatória. A maioria das Unidades são casas adaptadas e as salas apresentam um fluxo prejudicado por serem pequenas e utilizadas para execução de outros procedimentos. É fundamental que os enfermeiros mantenham supervisão detalhada do processo de imunização e que realizem ações de educação permanente visando à qualidade no cuidado.

ABSTRACT

This study aimed to describe specifically the preparation, and administration by intramuscular injection, of immunobiologics, and to describe the environmental conditions where these procedures are performed. This was a descriptive study of seven nursing workers in Vassouras, Rio de Janeiro State, in 2009, using non-participatory observations recorded in a diary, and following a specific script. The results show hand hygiene is either not practiced or only poorly so, immunobiologics were reconstituted without due care, and that administration was performed more satisfactorily. Most facilities are adapted houses where flows are irregular, because rooms are small and are used for other procedures. Itis essential that nurses monitor the immunization process in detail, and undertake continuing education to assure quality of care.

RESUMEN

Esta investigación objetivó especificar como se caracteriza la preparación y la administración de inmunobiológicos por via intramuscular y describir las condiciones ambientales en que son ejecutados esos procedimientos. Se trata de uma pesquisa descriptiva que usó observaciones no participantes registradas en un diario de campo, conforme una ruta específica. Fue hecha con siete profesionales de enfermería, en Vassouras-RJ-Brasil, en 2009. Los resultados muestran que los profesionales no hacen la higienización de las manos y los que la hacen lo hacen de forma inadecuada; fue evidenciada la no reconstitución cuidadosa de los inmunobiológicos y la administración fue llevada a cabo en la forma más satisfactoria. La mayoría de lãs Unidades son casas adaptadas y las salas tienen un flujo conturbado porque son pequeñas y utilizadas para otros procedimientos. Es fundamental que los enfermeros mantengan supervisión detallada del proceso de inmunización y que realizen acciones de educación permanente mirando a la calidad en el cuidado.

 


Palavras-chave


Imunização; injeções intramusculares; cuidados de enfermagem; enfermagem em saúde comunitária [Immunization; intramuscular injections; nursing; community health nursing] [Inmunización; inyecciones intramusculares; cuidados de enfermería; enfermería en sa]

Texto completo:

PDF


Direitos autorais 2013 Thiago Augusto Soares Monteiro da Silva, Mônica de Almeida Carreiro

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.