A relação saúde e meio ambiente na formação profissional em saúde: visão de docentes [The health-environment relationship in health professionals’ training: the professors’ view]

Roger Rodrigues Peres, Silviamar Camponogara

Resumo


O estudo objetivou descrever a visão dos docentes da área da saúde sobre a inter-relação saúde e meio ambiente. Pesquisa descritiva, de abordagem qualitativa, realizada com oito docentes dos cursos da área da saúde de uma instituição de ensino superior do sul do Brasil. Os dados foram coletados em 2011, por meio de entrevista semiestruturada e submetidos à análise de conteúdo. Os docentes manifestaram uma concepção de meio ambiente polarizada entre a interdependência e o olhar naturalizado. Reiteram, também, que a abordagem do tema na formação profissional em saúde é inespecífica. Assim, torna-se fundamental aprofundar o debate sobre a temática, no intuito de buscar subsídios que possibilitem novos olhares sobre a problemática ambiental e sua influência no processo saúde-doença das populações, especialmente no cenário da formação profissional em saúde.


ABSTRACT

This qualitative, descriptive study described the interrelationship between health and environment in the view of eight professors giving health science courses at a higher education institution in southern Brazil. Data were collected in 2011 by semi-structured interview and were subjected to content analysis. The professors displayed conceptions of environment polarized between interactional and naturalized views. They also reiterated that there is no specific approach to the subject in professional training for healthcare personnel. It is thus fundamentally important to extend discussion of this subject, especially in the health studies field, in order to generate input to inform new views of the environmental issue and its influence on the process of health and illness in populations.


RESUMEN

El estudio tuvo como objeto describir la visión de los docentes del área de la salud sobre la interrelación salud y medio ambiente. Investigación descriptiva, de abordaje cualitativo, realizada con ocho profesores de los cursos del área de la salud de una institución de enseñanza superior del sur de Brasil.  Se han colectado los datos en 2011, por medio de entrevista semiestructurada y estos fueron sometidos a análisis de contenido. Los docentes manifestaron una concepción de medio ambiente polarizada entre la interdependencia y la mirada naturalizada. Reiteran, asimismo, que el abordaje del tema en la formación profesional en salud es inespecífica.  Así, se vuelve fundamental profundizar el debate sobre el tema, con el objetivo de buscar subsidios que posibiliten nuevas miradas sobre la problemática ambiental y su influencia en el proceso salud-enfermedad de las poblaciones, especialmente en el escenario de la formación profesional en salud.

 

DOI: http://dx.doi.org/10.12957/reuerj.2015.16497


Palavras-chave


Saúde; meio ambiente; ensino superior; docentes [Health; environment; higher education; faculty] [Salud; medio ambiente; enseñanza superior; docentes]

Texto completo:

PDF(por) HTML(ENG)


DOI: https://doi.org/10.12957/reuerj.2015.16497

Direitos autorais 2015 Roger Rodrigues Peres, Silviamar Camponogara

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.