Relação interpessoal como forma de cuidado em enfermagem nas estratégias de saúde da família [Interpersonal relationship as a form of nursing care in family health strategies]

Sueli de Carvalho Vilela, Ana Maria Pimenta Carvalho, Luiz Jorge Pedrão

Resumo


RESUMO: Realizou-se uma pesquisa de abordagem qualitativa, por meio de entrevistas com 11 enfermeiras das estratégias de saúde da família de um município de médio porte de Minas Gerais, em 2011. O objetivo foi aproximar os conceitos da abordagem centrada na pessoa (ACP) ao cuidado de enfermagem. Utilizou-se da entrevista semiestruturada como coleta de dados e os procedimentos de análise seguiram os preceitos de Bardin. Os resultados evidenciaram que todas as enfermeiras consideram a relação interpessoal fundamental, possibilitando estabelecer relações entre os conceitos da ACP e o cuidado de enfermagem quanto à congruência, consideração positiva, empatia, a pessoa como centro, encontro terapêutico e tendência atualizante. Contudo percebe-se que ainda existem desafios a serem vencidos como a deficiência de conhecimentos a respeito do processo terapêutico das relações interpessoais como forma de cuidado da enfermagem.

ABSTRACT: Qualitative research was conducted on an interview basis with 11 nurses working in family health strategies of a medium-sized municipality in Minas Gerais, Brazil, in 2011. The study aimed at bringing person-centered approach (PCA) concepts closer to nursing care. Semi-structured interviews were used for data collection and analysis procedures were guided by Bardin’s principles. Results showed that all nurses consider interpersonal relations to be essential, insofar as it allows for connecting concepts of PCA to nursing care as to congruence, positive regard, empathy, person- center approach, therapeutic encounter, and actualizing tendency. However, challenges to be overcome are still identified, such as the lack of knowledge about the therapeutic process in interpersonal relations as a form of nursing care.

RESUMEN: Se ha hecho una investigación de abordaje cualitativo, por medio de entrevistas con 11 enfermeras que laboran en estrategias de salud de la familia de un municipio de tamaño medio de Minas Gerais-Brasil, en 2011. El objetivo fue intentar una aproximación de los conceptos del abordaje centrado en la persona (ACP) al cuidado de enfermería. Para tal se han utilizado entrevistas semiestructuradas para la recolección de datos y los procedimientos de análisis seguiron los preceptos de Bardin. Los resultados mostraron que todas las enfermeras consideran la relación interpersonal fundamental, lo que permite establecer relaciones entre los conceptos de la ACP y de los cuidados de enfermería cuanto a la congruencia, la consideración positiva, la empatía, la persona como el centro, el encuentro terapéutico y la tendencia actualizante. Sin embargo, se percibe que aun hay retos que superar como la carencia de conocimiento sobre el proceso terapéutico de las relaciones interpersonales como una forma de cuidado de enfermería.

 


Palavras-chave


Enfermagem; relações interpessoais; saúde mental; atenção primária à saúde. Keywords: Nursing; interpersonal relations; mental health; primary health care.

Texto completo:

PDF(POR) HTML(ENG)


Direitos autorais 2014 Sueli de Carvalho Vilela, Ana Maria Pimenta Carvalho, Luiz Jorge Pedrão

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.