Fatores de risco associados à lesão nasal por dispositivo de pressão positiva em recém- nascidos [Risk factors associated with nasal injury by use of positive pressure device in newborns]

Cândida Caniçali Primo, Maiara Soares Baratela, Maria Laura Pereira Valladares, Sandra Cristina Alvarenga, Eliane de Fátima Almeida Lima, Franciéle Marabotti Costa Leite

Resumo


RESUMO: Estudo retrospectivo e descritivo com o objetivo de conhecer os fatores de risco associados à lesão pelo uso de dispositivo nasal de pressão positiva contínua (CPAP) em recém-nascidos de uma unidade de tratamento intensivo neonatal em hospital universitário, Vitória/ES. Avaliaram-se as variáveis: sexo, peso ao nascer, idade gestacional, apgar, reanimação e tempo de internação em relação à ocorrência de lesão pelo uso de CPAP. A amostra foi de 122 neonatos internados no período de abril/2009 a abril/2010, sendo os dados coletados nos prontuários clínicos. Observou-se que 19,7% dos neonatos tiveram lesão nasal, e as variáveis peso ao nascer, idade gestacional e tempo de internação tiveram relação com o aparecimento de lesão. Concluiu-se que tais variáveis são capazes de influenciar a lesão por uso de CPAP em neonatos e exigem uma atenção maior por parte da equipe de enfermagem.

ABSTRACT: This retrospective and descriptive study aimed at identifying risk factors associated with nasal lesions by the use of nasal CPAP in newborns at an intensive care unit of a university hospital, in Vitória, ES, Brazil. Sex, birth weight, gestational age, Apgar score, resuscitation, and hospital stay were variables related to the frequency of nasal lesions by the use of CPAP. The sample consisted of 122 newborns hospitalized from April, 2009 to April, 2010 and data was collected from medical records. It was observed that 19.7% of newborns had nasal injury related to variables as birth weight, gestational age, and length of hospitalization. Conclusions show that those variables affect injury by use of CPAP and that neonates in that condition require more care by nursing staff.

RESUMEN: Estudio retrospectivo y descriptivo con el objetivo de conocer los factores de riesgo associados a la lesión nasal por uso de CPAP en recien nacidos de una UTIN de Hospital Universitário en Vitoria /ES-Brasil. Las variables estudiadas fueron sexo, peso al nacer, edad gestacional, APGAR, reanimación y tiempo de internación relacionándolos al aparecimento de lesión nasal por uso de CPAP. La muestra consistió de 122 neonatos internados entre abril de 2009 a abril de 2010, siendo los datos obtenidos del prontuario clínico. Se observó que 19,7% de los neonatos tuvieron lesión nasal, teniendo relacion su aparecimiento con las variables peso al nacer, edad gestacional y tiempo de internación. Se concluye que estas variables son capazes de influenciar la aparición de lesión nasal por uso de CPAP en neonatos y exigen una mayor atención por parte del equipo de enfermería.

 


Palavras-chave


Prematuro; cuidados de enfermagem; pressão positiva contínua nas vias aéreas; recém-nascido. [Keywords: Premature; nursing care; continuous positive airway pressure; newborn]

Texto completo:

PDF (POR) HTML(ENG)


Direitos autorais 2014 Cândida Caniçali Primo, Maiara Soares Baratela, Maria Laura Pereira Valladares, Sandra Cristina Alvarenga, Eliane de Fátima Almeida Lima, Franciéle Marabotti Costa Leite

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.