AVANÇOS E IMPASSES DA POLÍTICA DE EDUCAÇÃO APÓS AS DIRETRIZES CURRICULARES NACIONAIS PARA A EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS (EJA)

Selma dos Santos, Eduardo José Fernandes Nunes

Resumo


A Educação de Jovens e Adultos (EJA) é fundamental na transformação econômica, política e cultural dos sujeitos, comunidades e sociedade. A partir deste olhar, o presente artigo tem como objetivo discutir os avanços e os impasses da política de educação implementada no Brasil após os 20 anos de aprovação das Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação de Jovens e Adultos (EJA). A metodologia utilizada no estudo foi a pesquisa bibliográfica, o site do Ministério da Educação (MEC) e a análise documental de marcos legais da Educação de Jovens e Adultos. No caso brasileiro, todas as propostas contemporâneas para a Educação de Jovens e Adultos (EJA) devem ser olhadas a partir das Diretrizes Curriculares para a Educação de Jovens e Adultos, Resolução CNE/CBE nº 01 de 2000, para que se possa ver os contextos em que estão inseridas desde o governo do presidente Fernando Henrique Cardoso até o do atual presidente Jair Messias Bolsonaro. Nesse artigo, entendemos que no momento atual a modalidade EJA vem sendo enfraquecida vertiginosamente desde o nível federal ao estadual e o municipal, razões pelas quais observamos um processo contínuo de desqualificação da educação pública no Brasil.


Palavras-chave


Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação de Jovens e Adultos; políticas públicas de educação; participação popular

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/e-mosaicos.2021.57601

Direitos autorais 2021 Selma dos Santos, Eduardo José Fernandes Nunes


ISSN: 2316-9303 | Indexada em: