EDUCAÇÃO ESCOLAR INDÍGENA E MATERIAIS DIDÁTICOS ESPECÍFICOS: REFLEXÕES E DESAFIOS

Iandra Maria Weirich da Silva Coelho, Bruno da Silva Andrade

Resumo


Este artigo apresenta uma discussão sobre a importância da criação e implementação de materiais didáticos específicos direcionados para estudantes indígenas em escolas urbanas. Os procedimentos metodológicos adotados incluem pesquisa bibliográfica e documental, com foco na análise das políticas educacionais que regem a educação escolar indígena e um levantamento de materiais didáticos específicos, analisados com o auxílio de um software, por meio de uma abordagem quantitativa-interpretativista, baseada em descrição de frequência. Os resultados apontam a relevância à revitalização da variedade de línguas e diversidade das situações culturais, linguísticas e geográficas dos povos autóctones, presentes em algumas produções, contudo, entre os desafios, demonstra a carência de discussões que incluam as concepções relacionadas à interculturalidade, formação integral e multilinguismo, bem como, a emergência da elaboração e publicação de materiais didáticos que contemplem estudantes indígenas e não indígenas. 

 


Palavras-chave


Educação escolar indígena; materiais didáticos; Línguas Indígenas; interculturalidade; multilinguismo.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/e-mosaicos.2021.53814

Direitos autorais 2021 Iandra Maria Weirich da Silva Coelho, Bruno da Silva Andrade


ISSN: 2316-9303 | Indexada em: