INSPIRAÇÃO, COMUNICAÇÃO E EMPATIA COMO CARACTERÍSTICAS ESSENCIAIS À FORMAÇÃO DO MÉDICO HUMANISTA: INOVANDO ATRAVÉS DE UNIVERSIDADES CRIATIVAS

Carolina Maciel De Oliveira, Ana Flávia Assis Silva, Sônia Regina Schena Bertol, Rebeca Simões Brito, Carlos Alberto Mourão Júnior, Camila Maciel De Oliveira

Resumo


Contribuir para o explorar de novas ideias e possibilidades, através de metodologias que possam inspirar, instigar a criatividade e estimular o pensamento inovador de estudantes do curso de Medicina, é um dos objetivos do programa “Little Hearts Changing Lives” (LHCL). Projetos de extensão com esta característica proporciona, ainda, potencial para o desenvolvimento de competências como empatia e comunicação, essenciais para a formação do médico humanista. A metodologia que compõe o programa LHCL oferece estratégias para que os discentes sejam envolvidos em atividades criativas de aprendizagem. Desta forma, relatamos a experiência extramuros de discentes do quarto período do curso de Medicina da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), em que o conhecimento adquirido na disciplina de Fisiologia Cardiovascular fora aplicado à comunidade escolar com o intuito de incentivar a mudança de comportamento acerca de hábitos de vida saudáveis.


Palavras-chave


Ensino médico. Projetos comunitários. Promoção da saúde. Aprendizagem criativa. Teoria do aprendizado social.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/e-mosaicos.2021.45222

Direitos autorais 2021 Carolina Maciel de Oliveira, Ana Flávia Assis Silva, Sônia Regina Schena Bertol, Rebeca Simoes Brito, Carlos Alberto Mourão Júnior, Camila Maciel de Oliveira


ISSN: 2316-9303 | Indexada em: