PROPOSTA METODOLÓGICA PARA ELABORAÇÃO DE ROTEIROS DE AULAS DE CAMPO E IMPORTÂNCIA COMO RECURSO DIDÁTICO-PEDAGÓGICO

Telma Mendes Silva, Priscila Carvalho Leibão

Resumo


As aulas de campo são um dos principais recursos existentes na pesquisa e no ensino de Geografia. Apesar de haver uma vasta literatura acerca da importância do uso desse instrumento didático, o mesmo não acontece com o desenvolvimento de metodologias para a elaboração de aulas de campo. Entendemos que o processo de preparação dessas aulas é essencial para o seu sucesso, uma vez que a falta de planejamento poderá levar a alunos dispersos e com a atenção focada em situações e objetos que em nada se relacionam com o conteúdo a ser estudado e discutido (AMORIM e FRATTOLILLO, 2009). Nessa perspectiva, o presente artigo apresenta uma proposta metodológica que visa auxiliar os professores de Geografia a elaborarem roteiros de campo com foco em questões ambientais e apresenta também três sugestões de roteiros de campo pela Zona Oeste da cidade do Rio de Janeiro (RJ) para serem aplicados com alunos da educação básica, e que são frutos diretos da aplicação da referida metodologia.


Palavras-chave


aula de campo; preparação de roteiros de campo; recurso didático; Geografia; Região Metropolitana do Rio de Janeiro

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/e-mosaicos.2018.38651


ISSN: 2316-9303 | Indexada em: