OS DESAFIOS DA ESCOLA PÚBLICA NA RELAÇÃO COM AS POLÍTICAS SOCIAIS

Eveline Algebaile

Resumo


O artigo analisa as relações contemporâneas da escola pública com políticas de assistência social, no Brasil, identificando suas características, contradições e pontos de tensão. Tendo como ponto de partida a discussão das relações entre educação escolar e saúde no contexto histórico de emergência e consolidação do campo da saúde escolar, no final do século XIX e início do século XX, o artigo busca apresentar, a partir desse exemplo, aspectos relevantes das relações entre políticas para a análise da educação escolar, no Brasil. Dentre outros aspectos, destaca o intenso uso estratégico da infraestrutura e da ação escolar para a realização da assistência, em face da intensificação do ingresso de diferentes frações da classe trabalhadora na escola; as alterações da gestão e da ação escolar, diante da disseminação de programas focais realizados via escola e dos consequentes impasses relacionados à multi e intersetorialidade, aí implicados; e os desafios relacionados à formação e à atuação profissional nesse contexto de ampliação da esfera escolar.


Palavras-chave


Escolarização - Políticas sociais - Educação brasileira - Trabalho escolar - Expansão escolar.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/e-mosaicos.2017.30296


ISSN: 2316-9303 | Indexada em: