ENSINANDO INGLÊS COM CORPORA PARA PROFISSIONAIS DA ÁREA DE PUBLICIDADE

Cristina Mayer Acunzo

Resumo


Este artigo teve como objetivo principal a apresentação uma atividade de ensino de Inglês como Língua Estrangeira com corpora para estudantes do idioma que atuam na área de Publicidade. Para tanto, encontramos suporte teórico principal na Linguística de Corpus, uma área que proporciona a pesquisa, o estudo e a exploração da língua em uso (BERBER SARDINHA, 2004; 2009; 2011). Particularmente, na sua vertente que trata da interface corpus e ensino de Língua Estrangeira, com base em abordagens desenvolvidas por Sinclair (1991; 2004a; 2004b), Johns (1991), Willis (1990) e Berber Sardinha (2009; 2011), que dizem respeito à exploração de corpora no ensino por meio da identificação e da análise de padrões lexicogramaticais da língua e ao ensino por meio da abordagem lexical. Os resultados da análise do corpus sugerem que existe uma grande variedade de padrões de linguagem relativos a Publicidade a serem estudados. Encontramos diversos padrões e colocados que, se bem explorados por professores e alunos, podem auxiliar na comunicação dos profissionais dessa área. Propomos, assim uma atividade de ensino de Língua Inglesa com alguns desses padrões. Nossa pesquisa, bem como este artigo, pretendem contribuir para o desenvolvimento de atividades de ensino baseadas em corpora, bem como para estudantes que atuam na área de Publicidade, para a qual existe pouco material didático no mercado.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/cadsem.2017.29788

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 1414-4298 | e-ISSN: 1806-9142

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.