A SINTAXE DAS CONSTRUÇÕES TOPICALIZADAS

Conteúdo do artigo principal

Yan Silva

Resumo

As similaridades das estruturas de sujeito e de construções tópico-sujeito levaram as perspectivas formais a focalizar seus estudos na diferenciação de tais artefatos linguísticos, bem como na promoção de uma interface com a Educação Básica, uma vez que esses fatos da língua são estudados no ensino primário. O trabalho tem como objetivo além de evidenciar as incoerências da Gramática Tradicional na conceituação do elemento sujeito, também propor uma análise de estruturas topicalizadas fundamentada no Programa Cartográfico de Gramática Gerativa (Rizzi, 1997). A hipótese é de que os conhecimentos metalinguísticos das teorias formais possam levar luz para explicações mais coerentes com o conhecimento interno do falante que passa pelo processo de escolarização. Ademais, propõem-se como metodologia práticas didáticas no ensino de sentenças que contenham tópico, com o arcabouço da Aprendizagem Linguística Ativa (Pilati, 2017), que promove o uso de materiais manipuláveis nas aulas de gramática, a fim de oferecer o exercício de metacognição no ensino de língua.

Detalhes do artigo

Como Citar
Silva, Y. (2024). A SINTAXE DAS CONSTRUÇÕES TOPICALIZADAS. Caderno Seminal, (48). https://doi.org/10.12957/seminal.2024.79701
Seção
Estudos Gramaticais e Ensino