Acidentes com perfurocortantes envolvendo profissionais e estudantes da área de saúde: diagnóstico em um hospital universitário de referência

Maria Clara Domingos de Araújo Sousa, Claudio José dos Santos Júnior, Tarcísia Domingos de Araújo Sousa, Guilherme Calixto dos Santos Neves, Yáskara Veruska Ribeiro Barros

Resumo


O Brasil registra uma média de 700 mil acidentes ocupacionais por ano, ocupando o 4º lugar no mundo em ocorrência de acidentes de trabalho. Dentre estes eventos, o mais frequente no meio hospitalar envolve os materiais perfurocortantes. O objetivo deste trabalho foi avaliar os acidentes com perfurocortantes envolvendo profissionais e estudantes da área da saúde atendidos em um Hospital de Referência no estado de Alagoas. Os dados foram obtidos da ficha de registro de acidentes de trabalho disponibilizada pelo Núcleo de Vigilância Epidemiologia da Unidade, sendo tabulados e analisados em termos de frequência absoluta e relativa e através de teste qui-quadrado de Yates para variáveis qualitativas nominais. O presente estudo constatou que dos 2.413 acidentados, 1859 (77,0%) eram do sexo feminino, 1678 (69,6%) possuíam idades entre 20-40 anos, sendo a maioria, auxiliares e técnicos de enfermagem (44,2%). Com relação aos acidentes ocorridos, 302 (15,6%) foram durante procedimentos cirúrgicos e 61 (39,9%) envolvendo acadêmicos de odontologia. Foi observado que durante os acidentes, 438 (65,1) dos indivíduos não utilizavam luvas, 453 indivíduos (18,8%) não foram vacinados contra a Hepatite B, 1462 sujeitos (67,0%) tinham o paciente-fonte identificado. Foi possível verificar, também, que 819 acidentados (71,2%) abandonaram o tratamento. Houve predomínio de grupos específicos, tanto na categoria profissionais de saúde quanto na categoria discentes, revelando maior susceptibilidade de técnicos/auxiliares de enfermagem e discentes de odontologia aos acidentes com material perfurocortante. Torna-se necessário, desse modo, o incentivo à adesão às precauções-padrão e ao uso de Equipamento de Proteção Individual (EPI) por meio da educação permanente e continuada no meio hospitalar, bem como a adequação das instituições às exigências de Normas Regulamentadoras de prevenção de acidentes laborais, objetivando a minimização dos riscos e de modo a oferecer um ambiente mais seguro.


Palavras-chave


Acidentes de Trabalho; Exposição a Agentes Biológicos; Riscos Ocupacionais

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. Conceito, definições e caracterização do acidente do trabalho: Prestações e procedimentos.

Brasília: Ministério Da Previdência Social, 2013.

BRASIL. Secretaria de Previdência. Anuário Estatístico da Previdência Social (AEPS) 2017. Brasília:

Ministério da Previdência Social, 2018.

CÂMARA, P. F.; LIRA, C.; SANTOS JUNIOR, B. J.; VILELLA, T. A. S.; HINRICHSEN, S. L. Investigação

de acidentes biológicos entre profissionais da equipe multidisciplinar de um hospital. Revista de Enfermagem

da UERJ, Rio de Janeiro, v. 19, n. 4, p. 583-586, 2011.

COUTO, P. L. S. Representações sociais acerca dos riscos de acidentes de trabalho. Revista Brasileira de

Promoção da Saúde, v. 31, n. 2, p. 1-10, 2018.

CUNHA, A. C.; VALENTE, G. S. C. Desvelando o conhecimento dos trabalhadores de enfermagem acerca dos

riscos biológicos na emergência. Ensino, Saúde e Ambiente, v. 2 n. 2 p. 69-83, 2009.

DIAS, A. Acidentes com material perfurocortante em profissionais da saúde: uma revisão de artigos

indexados na biblioteca Virtual em saúde 2003-2013. 2014. 34 p. Dissertação (Saúde Pública) – Universidade

Federal do Rio Grande do Sul, Departamento de Medicina Social, Porto Alegre, 2014.

DOMBROSKI, M. Avaliação de acidentes: riscos envolvendo material biológico e perfurocortantes. 2018.

p. Dissertação (Engenharia de Segurança do Trabalho) – Universidade do Sul de Santa Catarina,

Florianópolis, 2018.

FERREIRA, A. F.; BRAGA E. S.; FERREIRA, A. F.; TELLES, F. L. Manejo Seguro de perfurocortantes:

abordagem de acidentes em serviços de coleta. Revista Teccen, v. 10, n. 1, p. 24-30, 2017.

FERREIRA, H. F G.; PEREIRA, G. C.; NOGUEIRA, J. K. A; FERREIRA, M. R.; TEIXEIRA, D. G.

Prevalência ocupacional de acidentes biológicos com material perfurocortante entre profissionais da saúde em

âmbito hospitalar. Revista Mineira de Ciências da Saúde, v. 4, p. 78-87, 2012.

GARBIN, A. J. I.; WAKAYAMA, B.; GARBIN, C. A. S. Negligência no autocuidado em saúde: a imunização

contra a Hepatite B na Odontologia. Archives of Health Investigation, v. 5, n. 2, p. 85-9, 2016.

LIMA, I. A. S.; OLIVEIRA, G. G.; RODRIGUES, A. R. G.; SOUSA, M. N. A. Acidentes Ocupacionais com

Perfurocortantes: Estudo com Profissionais de Enfermagem. Revista Interdisciplinar em Saúde, v. 2, n. 1, p.

-43, jan./mar. 2015.

LOPES, J. S. P.; CARVALHO, T. E. S.; NASCIMENTO, J. F.; ALVES, C. A. S., PEREIRA, A. K. P.,

RODRIGUES, T. S. Características dos acidentes de trabalho com material biológico em profissionais de

enfermagem. Revista Eletrônica Acervo Saúde, v. 9, n. 3, p. 1178-1186, 2017.

OLIVEIRA, A.; GONÇALVES, J. Acidente ocupacional por material perfurocortante em profissionais de saúde

de um Centro Cirúrgico. Revista da Escola de Enfermagem USP, São Paulo, v.44, n. 2, p.482-487, 2010.

OLIVEIRA, J. S.; NERY, A. A.; MORAIS, R. L. G. L.; ROBAZZI, M. L. C. C. Acidentes com perfurocortante

entre trabalhadores de saúde. Revista de APS, v. 18, n. 1, p. 108-115, 2015.

ORGANIZAÇÃO INTERNACIONAL DO TRABALHO (OIT). The prevention of occupational diseases.

Genebra: OIT, 2013.

PAIVA, S. N.; ZARONI W. C. S.; LEITE, M. F.; BIANCHI, P. R.; PEREIRA, T. C. R. Acidentes ocupacionais

com material biológico em Odontologia: uma responsabilidade no ensino. Revista da ABENO, v. 17, n. 3, p.

-88, 2017.

REZENDE, L. C. M.; LEITE, K. N. S.; SANTOS, S. R.; MONTEIRO, L. C.; COSTA, M. B. S.; SANTOS, F.

X. Acidentes de trabalho e suas repercussões na saúde dos profissionais de Enfermagem. Revista Baiana de

Enfermagem‏, v. 29, n. 4, p. 307-317, 17 dez. 2015.

RODRIGUES, P. S.; SOUSA, A. F. L.; MAGRO, M. C. S.; ANDRADE, D.; HERMANN, P. R. S. Acidente

ocupacional na Enfermagem. Escola Anna Nery, v. 21, n. 2, 2017.

SANTOS JÚNIOR, E. P.; BATISTA, R. R. A. M; ALMEIDA, A. T. F; ABREU, R. A. A. Acidente de trabalho

com material perfurocortante envolvendo profissionais e estudantes da área da saúde em hospital de referência.

Revista Brasileira de Medicina do Trabalho, v. 13, n. 2, p. 69-75, 2015.

SILVA, T.; ROCHA, S. A.; AYRES, J. A.; JULIANI, C. M. C. M. Acidente com material perfurocortante entre

profissionais de enfermagem de um hospital universitário. Revista Gaucha de Enfermagem, Porto Alegre, v.

, n. 4, p. 615-22, 2010.

VALIM, M. D.; MARZIALE, M. H. P. Avaliação da exposição ocupacional a material biológico em serviços de

Saúde. Texto e Contexto Enfermagem, v. 20, p. 138-146, 2011.




DOI: https://doi.org/10.12957/sustinere.2021.51121

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


   Resultado de imagem para blogger icon   

 

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

ISSN 2359-0424

IBI Factor: 2.2

 

A Revista SUSTINERE está indexada/cadastrada em: