Desempenho de equações bioclimáticas para estimativa da evapotranspiração de referência em Conceição do Araguaia/PA

Elton Ferreira Lima, Jhonata Santos Santana, Rafael Guimarães Silva Moraes, Bryann Lynconn Araujo Silva Fonseca, Pedro Luid de Sousa Oliveira, Cristiane Matos da Silva

Resumo


Devido às incertezas nos totais pluviométricos que incidem sobre uma região por causa das alterações climáticas, a agricultura precisa dispor de técnicas que minimizem os riscos inerentes dessa atividade. A ETo originalmente introduzida sob o termo evapotranspiração potencial (ETp), é um importante parâmetro agrometeorológico, principalmente para planejamento e manejo de irrigação. Existem diversas equações para calcular a ETo, desde aqueles mais simples, com base puramente empírica, até aquelas que apresentam embasamento físico consistente sobre o fenômeno, contudo, há sempre algum empirismo presente. Diante disso, o presente trabalho teve como objetivo avaliar o desempenho de quatro métodos (Turc, Hargreaves e Samani, Jesen-Haise e Makkink) para estimativa da ETo diária por meio de comparações com o método padrão de Penman-Monteith-FAO56, em Conceição do Araguaia/PA. Os dados meteorológicos foram retirados do Instituto Nacional de Meteorologia no período de 26 anos (1990-2016). O método tomado como padrão foi o de Penman-Monteith-FAO56, e a comparação dos resultados foi por meio do coeficiente de determinação (R²), índice de concordância de WIllmott (d), coeficiente de correlação de Pearson (r) e do coeficiente de confiança (c). Os melhores métodos para estimativa da ETo foram Turc e Hargreaves e Samani classificados como bom enquanto os métodos de Jesen-Haise e Makkink apresentaram o pior desempenho classificado como sofrível, quando comparados à equação padrão da FAO. Logo, seu uso não é recomendado sem antes receber a calibração dos coeficientes para a cidade em estudo.


Palavras-chave


Agrometeorologia, evaporação, irrigação, Penman-Monteith.

Texto completo:

PDF

Referências


ABABAEI, B. Are weather generators robust tools to study daily reference evapotranspiration and irrigation requirement. Water Resource Management, v. 28(1): 915-932, 2014. Disponível em: < https://link.springer.com/article/10.1007/s11269-014-0524-3>. doi: 10.1007 / s11269-014-0524-3. Acesso em: 11 abr. 2019.

ALLEN, R. G.; PEREIRA, L. S.; RAES, D.; SMUTH, M. Crop Evapotranpiration: Guidelines for computing crop water requirements, Rome: FAO, 1998, 301p. Disponível em: < http://www.fao.org/3/X0490E/X0490E00.htm>.Acesso em: 11 abr. 2019.

CAMARGO, A. P.; SENTELHAS, P.C. Avaliação do desempenho de diferentes métodos de estimativa da evapotranspiração potencial no Estado de São Paulo, Brasil. Rev. Bras. Agrometeorologia. Santa Maria, v.5, n.1, p.89-97, 1997. Disponível em: < https://www.researchgate.net/publication/284194031_Avaliacao_do_desempenho_de_diferentes_metodos_de_estimativa_da_evapotranspiracao_potencial_no_Estado_de_Sao_Paulo_Brasil>. Acesso em: 12 abr. 2019.

CAPORUSSO, N. B.; ROLIM, G. de S. Reference evapotranspiration models using different time scales in the Jaboticabal region of São Paulo, Brazil. Acta Scientiarum. Agronomy (Impresso), v. 37, p. 1-9, 2015. Disponível em: < http://dx.doi.org/10.4025/actasciagron.v37i1.18277

>. doi: 10.4025/actasciagron.v37i1.18277. Acesso em: 10 abr. 2019.

FERRAZ, R. C.; Estimativa da evapotranspiração de referência utilizando redes neurais artificiais para o Estado do Rio Grande do Sul. Revista Tecnológica. v.23, p.25-31, 2014. Disponível em: < http://dx.doi.org/10.4025/revtecnol.v23i1.20908.g14567

>. doi:10.4025/revtecnol.v23i1.20908.g14567. Acesso em: 21 abr. 2019.

FERRONATO, A.; CHIG, L. A.; GOULART, D. B.; JÚNIO, J. H. C.; PEREIRA, L. C.; BIUDES, M. S. Métodos de estimativa da evapotranspiração de referência para Santo Antônio do Leverger-MT. Revista de Ciências Agroambiental. v.14, n.1, p.110-118, 2016. Disponível em: < https://periodicos.unemat.br/index.php/rcaa/article/view/1418

>. Acesso em: 09 abr. 2019.

FANAYA JÚNIOR, E. D.; LOPES, A. D.; OLIVEIRA, G. Q.; JUNG, L. H. Métodos empíricos para estimativa da evapotranspiração de referência para Aquidauana, MS. Irriga, Botucatu, v. 17, n. 4, p. 418 - 434, outubro - dezembro, 2012. Disponível em: < http://revistas.fca.unesp.br/index.php/irriga/article/view/282>. Acesso em: 11 mai. 2019.

KISI, O. Comparison of different empirical methods for estimating daily reference evapotranspiration in Mediterranean climate. Journal of Irrigation and Drainage Engineering, New York, v.140, n.1, p.1-7, 2014. Disponível em: . doi: 10.1061/(ASCE)IR.1943-4774.0000664. 11 mai. 2019.

MANCOSU, N.; SNYDER, R. L.; SPANO, D. Procedures to develop a standardized reference evapotranspiration zone map. Journal of Irrigation and Drainage Engineering, New York, v.140, n.9, p.1-11, 2014. Disponível em: < https://doi.org/10.1061/(ASCE)IR.1943-4774.0000697

>. doi: 10.1061/(ASCE)IR.1943-4774.0000697. Acesso em: 11 mai. 2019.

MENDONÇA, E. A.; DANTAS, R. T. Estimativa da evapotranspiração de referência no município de Capim, PB. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, Campina Grande, v. 14, n. 2, p. 196-202, 2010. Disponível em: < http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1415-43662010000200011&script=sci_abstract&tlng=E

S>. Acesso em: 11 jun. 2019.

PASSOS, M. L. V.; RAPOSO, A. B.; MENDES, T. J. Evapotranspiração de referência por diferentes métodos para o município de Chapadinha-MA. Brazilian Journal of Applied Technology for Agricultural Science, Guarapuava-PR, v.10, n.1, p.59-66, 2017. Disponível em: < http://revistas.ufcg.edu.br/acsa/index.php/ACSA/article/view/868

>. Acesso em: 11 jun. 2019.

PEREIRA, J. B. A. Avaliação do crescimento, necessidade hídrica e eficiência no uso da água pela cultura do pimentão (capsicum annuum. L), sob manejo orgânico nos sistemas de plantio com preparo de solo e direto – Seropédica – RJ. 2006. 45f. Dissertação (Mestrado em Fitotecnia) - Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Seropédica/RJ. Disponível em: . Acesso em: 10 mai. 2019.

SILVA, J.L.C. Perfil do produtor de abacaxi e incidência da fusariose em Conceição do Araguaia, PA. 2015. 47f. Dissertação (Mestrado profissional em Defesa Sanitária Vegetal) – Universidade Federal de Viçosa, Viçosa/MG. Disponível em: < http://www.locus.ufv.br/bitstream/handle/123456789/9529/texto%20completo.pdf?sequence=1&isAllowed=y

>. Acesso em: 01 mai. 2019.

SOUZA, A. P., DE ALMEIDA, F. T., ARANTES, K. R., MARTIM, C. C., SILVA, J. O. Coeficientes de Tanque Classe A para estimativa da evapotranspiração de referência diária na região de transição Cerrado-Amazônica. Scientia Plena, v. 11, n. 5, 2015. Disponível em: < https://www.scientiaplena.org.br/sp/article/view/2383/1216

>. Acesso em: 12 mai. 2019.

SUBBURAYAN, S.; MURUGAPPAN, A., MOHAN, S. Modified Hargreaves Equation for Estimation of ETo in a Hot and Humid Location in Tamilnadu State, India. International Journal of Engineering Science and Technology, Tehran, v. 3, n .1, 2011. Disponível em: < https://www.researchgate.net/publication/50392177_Modified_Hargreaves_Equation_for_Estimation_of_ET0_in_a_Hot_and_Humid_Location_in_Tamilnadu_State_India

>. Acesso em: 18 mai. 2019.

WILLMOT, C. J.; ACKLESON, S. G.; DAVIS, J. J.; FEDDEMA, K.; KLINK, D. R. Statistics for the evaluation and comparison of models. Journal of Geophysical Research, Ottawa, v. 90, n. 5, p. 8995-9005, 1985. Disponível em: < http://climate.geog.udel.edu/~climate/publication_html/Pdf/WADFKLO_JGROceans_85.pdf

>. Acesso em: 11 mai. 2019.




DOI: https://doi.org/10.12957/sustinere.2019.43416

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


   Resultado de imagem para blogger icon   

 

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

ISSN 2359-0424

IBI Factor: 2.2

 

A Revista SUSTINERE está indexada/cadastrada em: