A importância da Farmácia Universitária frente aos serviços clínicos prestados à comunidade

Bruna de Souza Vieira, Edilson Martins Rodrigues Neto, Leina Mércia de Oliveira Vasconcelos, Maria Mayalle de Almeida Melo, Joelson Pinheiro de Lima, Sandna Larissa Freitas dos Santos, Karla Bruna Nogueira Torres Barros

Resumo


A Farmácia Universitária é um estabelecimento de saúde que desenvolve atividades de ensino, pesquisa e extensão nas áreas magistral e de dispensação de especialidades farmacêuticas, proporcionando aos acadêmicos do curso de farmácia a oportunidade de aliarem os conhecimentos teóricos adquiridos à prática diária das atividades do farmacêutico no exercício da profissão. O artigo tem como objetivo esclarecer os benefícios para a comunidade dos serviços disponibilizados pela farmácia universitária, juntamente com a atuação do Farmacêutico. Trata-se de uma revisão de literatura, na qual utilizou-se para realização da pesquisa as seguintes bases de dados: Pubmed, Bireme e Scielo, sendo selecionados após leitura dos resumos trabalhos completos de 2001 a 2017, perfazendo o total de 31 artigos. Nesse sentido, o farmacêutico assiste e orienta o paciente quanto a sua terapia medicamentosa, o mesmo atua na farmácia universitária que é uma farmácia comunitária que pertence a Instituição de Ensino, comportando atividades de consulta farmacêutica, seguimento farmacoterapêutico, dispensação de medicamentos, análise de água e manipulação de fitoterápicos. Os serviços disponibilizados devem atender as carências dos pacientes, orientando quanto a terapia farmacológica e não farmacológica dos mesmos. Desse modo, a farmácia universitária é um importante degrau para a formação acadêmica dos futuros profissionais, aliando ensino a prática, funcionando como um instrumento para a aproximação do profissional com a comunidade, refletindo no Uso Racional de Medicamentos, alcance de metas farmacoterapêuticas e na inclusão do mesmo junto a equipes multiprofissionais aliando conhecimentos e buscando a melhor efetivação dos serviços de saúde.


Palavras-chave


Assistência farmacêutica. Farmacoterapia. Farmácia Clínica.

Texto completo:

PDF

Referências


BATISTA, J. L. A implantação da farmácia-escola: o desafio de uma parceria público privada na melhoria da gestão da assistência farmacêutica de Lajeado, RS. 2012. 33f. Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização) – Escola de Administração, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2012.

BRASIL. Ministério da Saúde. Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Formulário nacional da farmacopeia brasileira / Brasil. 2ª edição. Brasília: Anvisa, 2012. 224 p.

______ . Lei 13.021 de 8 de agosto de 2014. Dispõe sobre o exercício e a fiscalização das atividades farmacêuticas.

CONSELHO FEDERAL DE FARMÁCIA. Dispõe sobre a prestação de serviços farmacêuticos, em farmácias e drogarias, e dá outras providências. Resolução nº 499, de 17 de dezembro de 2008. Lex: Diário Oficial da União, 2008.

______ . Dispõe sobre as atribuições do farmacêutico na farmácia universitária e dá outras providências. Resolução nº 610, de 20 de março de 2015. Lex: Reunião Plenária SHIS QI 15 Lote L. Lago Sul, Brasília, 2015.

______ . Dispõe sobre Boas Práticas de Manipulação de Preparações Magistrais e Oficinais para Uso Humano em farmácias. Resolução nº 67, de 8 de outubro de 2007. Lex: Diário Oficial da União, 2007.

______ . Ementa: Dispõe sobre as atribuições do Farmacêutico no controle de qualidade e tratamento de água para consumo humano, seu padrão de potabilidade e controle ambiental, bem como o controle de operação das estações de tratamento de água e esgotos domésticos e industriais, de piscinas, praias, balneários, hotéis, condomínios e congêneres. Resolução nº 463, de 27 de junho de 2007. Lex: Diário Oficial da União, 2007.

______ . Ementa: Regula a prescrição farmacêutica e dá outras providências. Resolução nº 586, de 29 de agosto de 2013. Lex: Diário Oficial da União, 2013.

CORRER, C.J.; OTUKI, M.F. A prática farmacêutica na farmácia comunitária. Artmed. Porto Alegre, 2013.

______ . Método clínico de atenção farmacêutica. Revista Pan -Amazônica de Saúde. Março, 2011.

DADER, M.J.; MUNÕZ, P.A.; MARTÍNEZ, F. Atenção Farmacêutica: conceitos, processos e casos práticos. Tradução e revisão de Maria Denise Funchal Witzel. São Paulo. RCN Editora, 2007.

FURTADO, G. R. Noções Básicas sobre Atenção Farmacêutica. Curitiba: Editora UFPR, 2001. 23 p.

GALATO, D.; ALANO, G.M.; TRAUTHMAN, S.C.; VIEIRA, A.C. A dispensação de medicamentos: uma reflexão sobre o processo para prevenção, identificação e resolução de problemas relacionados à farmacoterapia. Revista Brasileira de Ciências Farmacêuticas. Vol. 44, n. 3, jul./set. Universidade do Sul de Santa Catarina, 2008.

HERNÁNDEZ, D.S.; CASTRO, M.M.S.; DÁDER, M.J.F. Método Dáder. Manual de seguimento farmacoterapêutico. Edições Universitárias Lusófonas. Terceira Edição - Versão em Português Europeu. Lisboa, 2010.

MACHADO, R.M.C.; FREITAS, E.L.; PEREIRA, M.L.; OLIVEIRA, D.R. Implementação da Atenção Farmacêutica na Farmácia Universitária da UFMG. Anais do 2º Congresso Brasileiro de Extensão Universitária. Belo Horizonte, 12 a 15 de setembro de 2004.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Ementa: Institui as Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Farmácia e dá outras providências. Resolução nº 6, de 19 de outubro de 2017. Lex: Diário Oficial da União, Seção 1, p. 30. Brasília, 2017.

MIRANDA, T.M.M.; PETRICCIONE, S.; FERRACINI, F.T.; BORGES FILHO, W.M. Interventions performed by the clinical pharmacist in the emergency department. Einstein. Vol. 10, n. 1, p. 74-85, 2012.

MIYOSHI, E.; BAGLIE, S. Projeto integrado de uso racional de medicamentos e de assistência farmacêutica e médica no CRUTAC. 12º CONEX - Encontro Conversando sobre Extensão. Ponta Grossa, 2014.

OLIVEIRA, A.B.; OYAKAWA, C.N.; MIGUEK, M.D.; ZANIN, S.M.W.; MONTRUCCHIO, D.P. Obstáculos da atenção farmacêutica no Brasil. Revista Brasileira de Ciências Farmacêuticas. Vol. 41, n. 4, out./dez. Universidade Federal do Paraná, 2005.

PIMENTA, P.S. A farmácia escola e suas relações com a sociedade: Uma representação do caso da FAU/UFF. Programa de Pós-graduação em Tecnologia, Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca - CEFET/RJ. Rio de Janeiro, 2010.

POSSAGNO, G.C.H.; TOLEDO, A.C.O.; GARABELI, A.A.; MYIOSHI, E.; VEBER, A.P. Atividades desenvolvidas na farmácia escola Prof. Horacio Droppa - UEPG de 2013 a 2015. 14º CONEX - Encontro Conversando sobre Extensão na UEPG. Ponta Grossa, 2016.

PRUDENTE, L.R.; FERREIRA, T.X.A.M.; BARBOSA, N.L.; DEWULF, N.L.S. A importância da comunicação entre o farmacêutico e o paciente na farmácia comunitária: Relato de caso. 1º Congresso de Farmácia Comunitária. Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2012.

ROSSIGNOLI, P.; CORRER, C.J., FERNANDEZ-LLIMOS, F. Interés de los alumnos en las actividades de prácticas tuteladas en farmacia escuela en Curitiba-Brasil. Seguimiento Farmacoterapeutico. Vol. 1, n. 2, p. 62 - 68, 2003.

RUSTON, M.D.; SILVA, N.S. A importância da atenção farmacêutica. XII Encontro Latino Americano de Iniciação Científica e VIII Encontro Latino Americano de Pós-Graduação. Universidade do Vale do Paraíba. São Paulo, 2011.

SATURNINO, L.T.M., FERNÁNDEZ-LLIMÓS, F. A Farmácia Escola no Brasil: estado de arte e perspectivas. Revista Brasileira de Farmácia, 2009; Vol. 90, n. 3, p.204-10.

SILVA, E., NAVES, J.O.S., VIDAL, J. O papel do farmacêutico comunitário no aconselhamento ao paciente. Boletim Farmacoterapêutica. Julho/outubro, 2008.




DOI: https://doi.org/10.12957/sustinere.2018.35348

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


   Resultado de imagem para blogger icon   

 

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

ISSN 2359-0424

A Revista SUSTINERE está indexada/cadastrada em: