A coerência e a coesão nos textos de opinião de alunos do 5º ano de Ensino Fundamental

Luciana Ribeiro Pinheiro, Sandra Regina Kirchner Guimarães

Resumo


Este artigo aborda a produção de textos de opinião como uma atividade facilitada pelas habilidades metacontextuais relativas à coerência e à coesão. O objetivo do estudo apresentado foi identificar e descrever o uso de operadores organizacionais de coesão e a coerência em textos de opinião de 18 alunos do 5º ano do ensino fundamental de uma escola pública. Foi realizada uma intervenção (sequência didática) que comportou a utilização de operadores argumentativos e organizacionais como ferramentas que aprimoram a escrita de textos de opinião. Em virtude do caráter qualitativo da pesquisa e da participação de um número reduzido de alunos as conclusões deste estudo não podem ser generalizadas. Contudo, a intervenção revelou-se eficaz tanto como instrumento de investigação quanto como instrumento de instrução pedagógica. Acredita-se que o tipo de sequência didática utilizado pode servir para contínua avaliação das aprendizagens e dificuldades reveladas pelos alunos, subsidiando (re)elaborações nos planejamentos pedagógicos voltados para a produção de textos de opinião.

Palavras-chave


Opinião; Coerência; Coesão; Ensino

Texto completo:

HTML PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/epp.2013.8422

Licença Creative Commons
A revista Estudos e Pesquisas em Psicologia esta licenciada sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Não Comercial 3.0 Não Adaptada.

 

Universidade do Estado do Rio de Janeiro
Instituto de Psicologia
© Estudos e Pesquisas em Psicologia
Rua São Francisco Xavier, 524, bloco F, sala 10.005, 10° andar, CEP 20550-013, Rio de Janeiro-RJ, Brasil
Telefone: (21) 2334-0651

E-mail: revispsi@gmail.com