Bem-Estar Subjetivo de Estudantes: Variáveis Escolares Associadas e Medidas de Avaliação

João Lucas Dias-Viana, Ana Paula Porto Noronha

Resumo


O objetivo deste estudo foi investigar quais as variáveis escolares associadas ao bem-estar subjetivo de estudantes, bem como identificar as medidas de avaliação utilizadas, por meio de uma revisão integrativa da literatura. Foram utilizados os seguintes descritores: "bem-estar subjetivo", "escola" e "estudante", e os termos correspondentes nos idiomas inglês e espanhol. As bases de dados consultadas foram: ERIC, IndexPsi, Lilacs, PePsic, PsycInfo, PubMed e SciELO. Após a leitura completa, o conjunto final de publicações com base nos critérios de elegibilidade foi composto por 26 artigos, publicados entre os anos de 1998 e 2019. A maioria dos estudos foi realizada nos Estados Unidos e na China. Os instrumentos mais utilizados foram Student's Life Satisfaction Scale e Positive and Negative Affect Scale for Children. Evidenciou-se a escassez de medidas contextualizadas para o contexto escolar. As variáveis mais associadas ao bem-estar subjetivo de alunos relacionam-se à socialização, à adaptabilidade de comportamento e à competência acadêmica. Os resultados fornecem subsídios para a formulação de intervenções com foco na promoção do bem-estar de estudantes e destacam a importância de medidas contextualizadas na escola.

Palavras-chave


características do estudante; vivências emocionais; estudantes; psicologia positiva

Texto completo:

HTML PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/epp.2022.68648

Licença Creative Commons
A revista Estudos e Pesquisas em Psicologia esta licenciada sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Não Comercial 3.0 Não Adaptada.

 

Universidade do Estado do Rio de Janeiro
Instituto de Psicologia
© Estudos e Pesquisas em Psicologia
Rua São Francisco Xavier, 524, bloco F, sala 10.005, 10° andar, CEP 20550-013, Rio de Janeiro-RJ, Brasil
Telefone: (21) 2334-0651

E-mail: revispsi@gmail.com