Uma Análise Crítica Sobre Amor e Cuidado em Binswanger e Heidegger

Ana Maria Lopez Calvo de Feijoo, Marcello Furst de Freitas Accetta, Myriam Moreira Protasio, Paulo Victor Rodrigues da Costa, Victor Portavales Silva

Resumo


O presente artigo tem como objetivo refletir, por meio de um estudo teórico, acerca do existencial cuidado (Sorge) no pensamento de Martin Heidegger e amor (Liebe) em Ludwig Binswanger. O texto retoma os principais aspectos da forma como ambos compreendem a noção de cuidado e amor, desdobrando criticamente o impasse gerado a partir daí. Demonstra-se que o cerne da querela se dá no modo como Binswanger compreende e interpreta o ser-no-mundo (In-der-Welt-sein) heideggeriano, ligando-o à noção de ser-para-além-do-mundo (Über-die-Welt-hinaus-sein). O psiquiatra suíço procede desse modo na medida em que julga ter identificado um limite e uma carência do elemento eternidade no modo como Heidegger desenvolve sua ontologia fundamental. Com tal apontamento, Binswanger elege a tonalidade do amor como fundamento de toda relação, que faz dessa experiência de infinito sua forma de ser. No bojo de tal apontamento se encontra o desenvolvimento da Daseinsanálise como o desdobramento – a princípio psiquiátrico – de uma relação clínica pautada pelo amor como meio do acesso fundamental ao outro e como elemento que promove a cura. O artigo conclui que tal indicação binswangeriana recai sutilmente em elementos instrumentais e produtivistas, uma vez que Binswanger reproduz elementos da técnica justamente lá onde tais elementos deveriam permanecer inoperantes.

Palavras-chave


Martin Heidegger; Ludwig Binswanger; daseinsanálise; amor; cuidado

Texto completo:

HTML PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/epp.2020.56656

Licença Creative Commons
A revista Estudos e Pesquisas em Psicologia esta licenciada sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Não Comercial 3.0 Não Adaptada.

 

Universidade do Estado do Rio de Janeiro
Instituto de Psicologia
© Estudos e Pesquisas em Psicologia
Rua São Francisco Xavier, 524, bloco F, sala 10.005, 10° andar, CEP 20550-013, Rio de Janeiro-RJ, Brasil
Telefone: (21) 2334-0651

E-mail: revispsi@gmail.com