Crack e Mídia: O que dizem as principais revistas jornalísticas do país?

Pollyanna Santos da Silveira, Ana Luisa Marliére Casela, Érika Pizziolo Monteiro, Gabriela Correia Lubambo Ferreira, Jéssica Verônica Tibúrcio de Freitas, Nathália Munck Machado, Pedro Henrique Antunes da Costa, Telmo Mota Ronzani, Ana Regina Noto

Resumo


O estudo visa analisar os conteúdos divulgados pelas principais revistas de circulação na mídia digital brasileira acerca do consumo de crack. Pesquisa documental, exploratório-descritiva, com abordagem qualitativa das três revistas semanais com maior circulação no país. O acesso foi através dos sites das revistas, as palavras-chave: "crack", "óxi" e "merla" foram utilizadas e apenas a categoria de notícias foi incluída. As 661 notícias encontradas foram analisadas em relação a duplicação, quando "crack" não foi utilizado como droga e quando não era o tema central na notícia. Restando assim, 559 notícias. A análise de conteúdo temática identificou os principais temas presentes. A maior parte das notícias é permeada pela criminalização e moralização dos usuários de crack, relacionando-se principalmente ao tratamento, bem como o tráfico, com reportagens de ações policiais e ao enfrentamento do fenômeno, através de iniciativas de combate. Compreende-se a mídia enquanto formadora de opinião, mas também como produto sócio-histórico que reflete posições e visões de mundo. Observa-se a necessidade de modificação da abordagem ao fenômeno do crack pelos meios de comunicação analisados, na tentativa de estimular um debate ampliado e realista sobre a temática, em detrimento dos correntes discursos maniqueístas, estigmatizantes e de sobreposição de racionalidades.

Palavras-chave


crack; imprensa; estigma

Texto completo:

PDF HTML


DOI: https://doi.org/10.12957/epp.2018.38109

Licença Creative Commons
A revista Estudos e Pesquisas em Psicologia esta licenciada sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Não Comercial 3.0 Não Adaptada.

 

Universidade do Estado do Rio de Janeiro
Instituto de Psicologia
© Estudos e Pesquisas em Psicologia
Rua São Francisco Xavier, 524, bloco F, sala 10.005, 10° andar, CEP 20550-013, Rio de Janeiro-RJ, Brasil
Telefone: (21) 2334-0651

E-mail: revispsi@gmail.com