Eu sou o que me dizem que sou? Zombaria, Habilidades Sociais e Autoconceito

Lívia Andrade Benatti, Débora de Hollanda Souza

Resumo


O presente estudo teve como objetivo principal investigar se as habilidades sociais poderiam funcionar como uma variável moderadora na relação entre a provocação dos colegas e o autoconceito. Quarenta e oito meninas entre 9 e 10 anos foram avaliadas por uma escala de autoconceito (EAC-IJ), por um componente do instrumento de avaliação de habilidades sociais (SMHSC-Del Prette), baseado em autorrelato, e responderam a um questionário que fornecia uma medida da frequência de provocação/zombaria feita por colegas. Além disso, as professoras das participantes fizeram uma avaliação do nível de socialização das participantes, utilizando uma escala de 10 pontos, criada pelas pesquisadoras. Os resultados revelaram uma tendência para um efeito moderador do nível de socialização na relação entre provocação e autoconceito. As participantes que foram consideradas mais sociáveis pareciam sofrer menos os efeitos negativos da provocação e, consequentemente, apresentaram escores maiores na escala de autoconceito do que as participantes consideradas menos sociáveis.

Palavras-chave


habilidades sociais; autoconceito; zombaria

Texto completo:

HTML PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/epp.2017.34766

Licença Creative Commons
A revista Estudos e Pesquisas em Psicologia esta licenciada sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Não Comercial 3.0 Não Adaptada.

 

Universidade do Estado do Rio de Janeiro
Instituto de Psicologia
© Estudos e Pesquisas em Psicologia
Rua São Francisco Xavier, 524, bloco F, sala 10.005, 10° andar, CEP 20550-013, Rio de Janeiro-RJ, Brasil
Telefone: (21) 2334-0651

E-mail: revispsi@gmail.com